LEAL PORTO TELECOM

LEAL PORTO TELECOM

RESTAURANTE DA PONTE

RESTAURANTE DA PONTE
"O lugar certo de comer peixe" - Em cima do Mercado Municipal do Peixe (22) 2644-4080 // 99999-5998

quarta-feira, 22 de maio de 2019

UI neonatal do Hospital da Mulher, em Cabo Frio, RJ, é descredenciada do SUS




A Unidade Intermediária neonatal (UI) do Hospital da Mulher, em Cabo Frio, na Região dos Lagos do Rio, foi descredenciada do Sistema Único de Saúde (SUS) e do Cadastro Nacional de Entidades de Assistência Social (CNEAS). O anúncio foi feito pela Prefeitura numa coletiva de imprensa na manhã desta terça-feira (21).

Segundo o município, o Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio de Janeiro (Cremerj) já foi informado do descredenciamento na tarde desta segunda-feira (20), no relatório enviado ao conselho. Ainda de acordo com o município, o motivo do descredenciamento é a falta de especialistas para compor o quadro de médicos da UI e que, a partir dessa decisão, a unidade terá apenas berçários.

Ainda sobre o descredenciamento da UI, a assessoria de comunicação da Prefeitura enviou e seguinte informação:

"O Hospital Municipal da Mulher nunca teve UI e nem UTI. Por isso foi descredenciado. A nomenclatura estava errada e isto foi corrigido. Todos os bebês que precisam desse serviço entram na regulação do Estado", disse a Prefeitura em nota.

O Hospital da Mulher foi interditado na última quinta-feira (16) pelo Cremerj após sete visitas no local, que já registrou 17 mortes de recém-nascidos entre janeiro e abril de 2019. O órgão explica que, durante as visitas, foram constatadas diversas inconformidades em setores como a Unidade Intermediária (UI) neonatal.

Ao G1, o Cremerj confirmou o recebimento do relatório da Prefeitura, que consta o aviso sobre ao descredenciamento da UI, mas não se manifestou sobre o conteúdo, que será analisado pelo órgão.
                                                                                                
 Fonte: g1.globo.com

Inscrições para o Encceja estão abertas até 31 de maio




Desde segunda-feira (20), estão abertas as inscrições para o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja). As provas são elaboradas para jovens e adultos que não tiveram oportunidades de concluir seus estudos na idade apropriada e querem o certificado de conclusão do ensino fundamental e médio.

O Encceja é um programa idealizado pelo Governo Federal e coordenado pelo Ministério da Educação e tem como principal objetivo ser uma referencia nacional de avaliação e capacidade de conhecimento para a certificação dessas pessoas.

Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), que organiza a prova, a principal novidade desta edição do Encceja está na acessibilidade para pessoas com deficiência. Esta é primeira vez em que o edital do exame tem uma versão em Língua Brasileira de Sinais (Libras).

Para se inscrever no ensino fundamental o aluno precisa ter 15 anos completos, e para o ensino médio ser maior de 18 anos. O estudante precisa ter CPF válido em seu nome para validar sua inscrição e realizar a prova.

A inscrição e gratuita e deve ser feita pelo sistema Encceja, através do site  http://enccejanacional.inep.gov.br/encceja/#!/inicial ate 31 de maio.


Texto: Rosália Moreira




Prefeitura cumpre exigências do Cremerj para desinterdição do Hospital da Mulher


O prefeito Dr. Adriano Moreno e o secretário de Saúde, Márcio Mureb receberam na manhã desta terça-feira (21) a imprensa cabo-friense para informar sobre a interdição parcial ética do Hospital Municipal da Mulher. A Prefeitura de Cabo Frio cumpriu todas as exigências feitas pelo Cremerj, na última quinta-feira, data da interdição.
Nesta terça-feira, o Cremerj vai analisar em assembleia o Termo de Responsabilidade Recíproca com todas as informações entregues na segunda-feira pela Prefeitura de Cabo Frio. No relatório está a comprovação das exigências, tais como a compra do desfibrilador com pá pediátrica, providenciados em todos os locais de acesso ao paciente e acompanhantes o dispositivo da Lei Federal 11108/2005, a regularização do fornecimento de medicamentos e insumos hospitalares, a presença de dois farmacêuticos com carga horária de 40 horas, dentre outros. Na reunião também foi destacada a importância do hospital para toda a região.
“Os municípios vizinhos que têm maternidade estão sobrecarregados com apenas quatro dias de interdição. Isso mostra que estão congestionados, os que têm maternidade, o que mostra a importância do nosso hospital. Trabalhamos de portas abertas e estatisticamente recebemos gestantes de todas as cidades da Região dos Lagos”, explica Dr. Adriano.
O médico e secretário Marcio Mureb explica como o atendimento é feito no caso de interdições de ética.
“Neste momento só podemos fazer atendimento de urgência e emergência. Porém, em obstetrícia, essa identificação não é visual como em um pronto socorro, pode ser uma questão do feto, um problema intra uterino. O médico precisa, portanto, de uma consulta prévia, o que não está autorizado neste momento, sob pena de sanção em caso de descumprimento. Suspendemos as cirurgias eletivas por este motivo”, disse.
As unidades de saúde do município foram informadas da suspensão dos atendimentos e do encaminhamento dos novos pacientes para outras emergências do município e até mesmo de cidades vizinhas.




Cabo Frio e Ílhavo assinam acordo de cidades coirmãs


Representantes do poder público municipal junto com as famílias cabo-frienses de origem portuguesa lotaram a Casa de José de Dome-Charitas, na noite desta segunda-feira (20),  para a assinatura do convênio de cidades coirmãs entre Cabo Frio e Ílhavo. Com a solenidade, fica firmado o estreitamento das relações turísticas, sociais e econômicas entre as duas cidades, que vai se concretizar através de acordos e convênios já viabilizados durante a visita da comitiva à cidade. A solenidade também contou com homenagem às famílias Bolais Mónica, Soares e Verdade, tradicionais do bairro Passagem.  

Segundo o presidente da Câmara de Ílhavo, Fernando Caçoilo, que ocupa o cargo compatível ao de prefeito na política brasileira, enfatizou as semelhanças culturais e econômicas entre Cabo Frio e a cidade portuguesa. “Com esse acordo vamos potencializar tudo que nos liga cultural e historicamente. Estamos encantado com as belezas de Cabo Frio e a receptividade do seu povo e como podemos nos beneficiar de forma mútua. Com certeza, Ílhavo tem muito o que aprender com Cabo Frio e Cabo Frio com Ílhavo”, disse.

O prefeito Dr. Adriano Moreno lembrou a ida a Huzhou, na China, e o trabalho desenvolvido para criação de cidades geminadas. “Tudo começou com a nossa ida à China. A emoção de apresentar a nossa cidade no país chinês para assinar o acordo com Huzhou foi grande. Hoje a emoção está tão grande quanto naquela ocasião, pois estamos na nossa casa, firmando um acordo entre dois povos que têm muito em comum, com história e cultura entrelaçadas”, afirmou o prefeito.

O secretário de Turismo, Radamés Muniz, endossou as palavras do prefeito.

“Foi uma noite muito importante e cheia de emoção, onde homenageamos e contamos a história de famílias tradicionais de Cabo Frio com ligação direta com Portugal, além de concretizarmos o trabalho que vem sendo desenvolvido com Ílhavo, desde as tratativas até a visita da comitiva a nossa cidade, quem tem sido um sucesso”,  frisou o secretário.

A comitiva de Ílhavo está em Cabo Frio desde a sexta-feira (17) e, desde então, já participou de um tour nos principais pontos turísticos da cidade, de visitas técnicas nas salinas e no Aeroporto Internacional, além de encontros e reuniões. Nesta terça (21), a delegação participa de uma reunião com empresários para apresentação de projetos. A tarde, a comitiva fará uma palestra no Instituto Federal Fluminense (IFF).
O estreitamento das relações entre Ílhavo e Cabo Frio foi viabilizado pelos coordenadores da Comissão Cabo Frio-Portugal, Thomas Rosa e Gustavo Miguelez. A visita de representantes de Cabo Frio à cidade de Ílhavo, como parte do tratado, está prevista para agosto, quando acontece o tradicional Festival de Bacalhau da cidade, considerado um dos mais tradicionais de Portugal.



Meio Ambiente fará estudos para recuperar orla de Tamoios




As fortes chuvas que causaram transtornos na cidade no último fim de semana deixaram diversos estragos e um deles foi na orla de Tamoios, que foi parcialmente destruída pela ressaca. Um trecho de aproximadamente 50 metros foi atingido, destruindo a calçada e parte do asfalto da orla. O ponto prejudicado está localizado na altura do bairro Aquárius.

O local foi interditado pela Defesa Civil de Cabo Frio na última segunda-feira (20). Nesta terça-feira (21) uma equipe da Coordenadoria de Meio Ambiente vistoriou o local, acompanhada de um engenheiro da Secretaria de Obras e de um geólogo. Eles tiraram medidas e avaliaram os danos.

A Coordenadoria de Meio Ambiente fará agora um estudo para definir o projeto que será enviado à Secretaria de Obras. De acordo com o coordenador da pasta, Mario Flavio Moreira, esse estudo é importante para garantir que a obra seja executada da maneira correta:

“Vamos fazer o estudo com base no levantamento que fizemos hoje. Junto com os engenheiros da Secretaria de Obras e o geólogo, vamos traçar a melhor estratégia para recuperar o local o quanto antes. Com isso, vamos garantir que uma possível ressaca não destrua o local novamente”, disse Mario Flavio.


Arraial do Cabo libera tráfego na rodovia RJ 140


A Prefeitura de Arraial do Cabo, por meio da Secretaria de Segurança Pública, informa que a RJ 140, estrada de acesso à cidade está liberada nos dois sentidos.

A Guarda Municipal orienta os motoristas que passarem pelo local que tenham atenção, pois o trecho ainda encontra-se com alguns pontos sem iluminação devido aos danos causados, pelas chuvas e pelos ventos, em alguns postes dessa via.

ASCOM PMAC / SEGURANÇA PÚBLICA

Grupamento Marítimo de Guarda Vidas auxilia em ação no Morro da Cabocla, após chuvas


A Prefeitura de Arraial do Cabo, por meio da Secretaria de Segurança Pública, através do Grupamento Marítimo de Guarda-Vidas, esteve juntamente com a Equipe Mc Laren, em uma ação de reparos no Morro da Cabocla, nesta segunda-feira (20), após as chuvas que assolaram o município. Os serviços foram efetuados, a pedido do Administrador da Localidade, Fabinho Sorriso, na rua Ipanema, e no Beco de Búzios.

    A equipe auxiliou em poda de árvores, demolição de pedras, retirada de árvores em situação de risco e resgate de uma família de cinco pessoas, que foi levada a um abrigo.

    O efetivo que esteve presente cooperando com a ação foi de 9 Guarda Vidas.



Fonte: ASCOM/PMAC



GABINETE DE CRISE: SECRETARIAS DEFINEM AÇÕES NA PONTA DO AMBRÓSIO E PRAIA LINDA APÓS AS CHUVAS


O Gabinete de Crise, instaurado pelo Prefeito Cláudio Chumbinho para a coordenação e execução de serviços para minimizar os efeitos causados pelas chuvas que atingiram toda a Região dos Lagos nos últimos dias, se reuniu novamente na última segunda-feira (20). Na oportunidade, foram discutidas as prioridades e frentes de trabalho das Secretarias Municipais neste período pós-chuva. Durante a reunião, ficou decidido que a Prefeitura de São Pedro da Aldeia realizará ações emergenciais, como mutirão de limpeza e retirada de árvores, no bairro Ponta do Ambrósio e também atuará em Praia Linda nesta terça-feira (21).

O encontro para o planejamento de ações que precisam ser realizadas no município após as chuvas contou com a participação dos secretários de Governo, Eronildes Bezerra; de Urbanismo e Habitação, Liane Martins; de Ambiente, Lagoa, Pesca e Saneamento, Luciano Pinto, de Assistência Social e Direitos Humanos e da secretária adjunta da pasta, Ester Marques e Olívia Sá, respectivamente; do subsecretário de Ambiente, José Eduardo dos Santos; do representante da Secretaria de Serviços Públicos, Rogério Oliveira; do diretor da Defesa Civil, Marcus Dothavio, e da diretora da Proteção Social Básica e Especial, Cláudia Brasil.


Segundo Eronildes Bezerra a reunião foi realizada para definir o que cada pasta irá fazer. “Como secretário de Governo, cabe a mim intermediar as Secretarias para que a gente tome as ações corretas; vamos nos basear no Decreto de Emergência. Chamei quem esteve a frente comigo nos últimos dias para agradecer a parceria. É importante que a gente esteja muito unido para deixar um legado na cidade; as ações que a gente tomar agora têm que ser definitivas. Precisamos planejar para sermos pegos de surpresa em pouquíssimos casos”, afirmou o secretário.


Na oportunidade, os profissionais fizeram um balanço do trabalho realizado por cada Secretaria entre a madrugada da sexta-feira (17) e a noite de domingo (19) e destacaram a importância de se realizar serviços que evitem a recorrência desses transtornos em períodos de chuva. O diretor da Defesa Civil, Marcus Dothavio, solicitou o apoio dos secretários presentes em questões técnicas para o preenchimento do Formulário de Informações do Desastre (FIDE), para a busca de recursos a nível estadual e federal para obras de recuperação.


O Gabinete de Crise foi instaurado na sexta-feira (17) para mobilizar todos os órgãos municipais para atuarem em ações de respostas necessárias a minimizar os efeitos causados pelas chuvas em São Pedro da Aldeia, por meio da edição de um Decreto que declarou situação de Emergência no município. Os efeitos do Decreto são válidos por 90 dias, podendo ser prorrogado por igual período. 



DEFESA CIVIL E SERVIÇO GEOLÓGICO DO ESTADO VISTORIAM ÁREAS DE ENCOSTA ATINGIDAS PELAS CHUVAS




A Defesa Civil de São Pedro da Aldeia e uma equipe do Serviço Geológico do Estado do Rio de Janeiro realizaram, nesta terça-feira (21), uma vistoria técnica em áreas de encosta atingidas pelas últimas chuvas, com o objetivo de avaliar os riscos de deslizamento. Conduzidas por duas profissionais do Departamento de Recursos Minerais (DRM-RJ), as equipes percorreram pontos dos bairros Ponta do Ambrósio, Vinhateiro, Parque Estoril e Baixo Grande. O relatório geológico deverá ser liberado em 24h. A iniciativa integra uma série de medidas que estão sendo tomadas pelo chamado Gabinete de Crise, instaurado pelo Prefeito Cláudio Chumbinho, visando minimizar os efeitos causados pelas chuvas no município.


De acordo com o diretor da Defesa Civil, a avaliação técnica foi solicitada pelo município e é considerada um instrumento fundamental para direcionar os serviços. “Nós solicitamos o apoio da Defesa Civil Estadual, que acionou o DRM, um órgão especializado, para nos dar esse apoio técnico com a avaliação das encostas que foram prejudicadas após as chuvas. O relatório, contendo os fatos constatados e as orientações, vai nos dar uma base para que possamos dar início às ações ou buscar apoio com recursos estaduais e federais para a execução de obras preventivas. Com esse instrumento técnico, teremos condições de informar às esferas Estadual e Federal a real necessidade do nosso município e buscar soluções definitivas para os problemas nas comunidades atingidas”, destacou.


Uma das profissionais que conduziram a avaliação técnica foi a diretora de Geologia do Serviço Geológico do Estado do Rio de Janeiro (DRM-RJ), Aline Freitas, especialista em gerenciamento de riscos. Na Ponta do Ambrósio, além da vistoria técnica, equipes da Secretaria de Serviços Públicos atuaram com um mutirão de limpeza e retirada do lixo no topo da encosta. Enquanto isso, profissionais da Secretaria de Ambiente, Lagoa, Pesca e Saneamento realizaram a retirada de árvores que deslizaram na encosta. Nos demais bairros, as equipes das Secretarias, com auxílio de maquinário, continuam empenhadas nos serviços de limpeza e recuperação de vias, além de dar apoio às ações de desobstrução das redes de drenagem pluvial.


A Defesa Civil atua em força-tarefa desde os primeiros sinais de deslizamento, monitorando as áreas de risco nas zonas urbanas, com especial atenção ao entorno de residências, além de gerenciar as ações de recuperação nas localidades mais afetadas. Até o início da noite do último domingo (19), foram registradas, ao todo, 72 ocorrências, entre residências interditadas, pessoas desalojadas, desabamentos e pontos de deslizamento. Não houve registro de vítimas.


Instaurado na última sexta-feira (17) pelo Prefeito Cláudio Chumbinho, o Gabinete de Crise é formado por representantes de diversas Secretarias Municipais técnicas e operacionais, entre elas Governo, Serviços Públicos, Ambiente, Assistência Social e Urbanismo, atuando de forma integrada até a normalização da situação de emergência no município.


terça-feira, 21 de maio de 2019

Comunidade de Cabo Frio, RJ, tem ônibus suspensos após confronto armado




Moradores da comunidade Boca do Mato, em Cabo Frio, na Região dos Lagos do Rio, estão sem ônibus na tarde desta segunda-feira (20). A Auto Viação Salineira suspendeu as linhas que passam pelo local por conta de um confronto entre policiais militares e um grupo armado.

A Polícia Militar está com a segurança reforçada no local, mas de acordo com o relato de moradores, barricadas colocadas por integrantes de facções criminosas permanecem nas ruas Rosalina Cardoso e Ernesto Cardoso da Fonseca. Por medo, os moradores preferem não ser identificados.

"As barricadas foram colocadas por homens ligados ao tráfico para dificultar o acesso da polícia", disse um morador.

Ainda segundo o relato de quem vive na comunidade, o comércio, uma escola e um posto de saúde fecharam por conta do clima de insegurança. O G1 aguarda informações da PM sobre um possível toque de recolher imposto por traficantes.

A empresa de transporte informou que as linhas que passam pelo bairro foram redirecionadas pela Estradinha, no bairro Porto do Carro.

O G1 também questionou a Prefeitura de Cabo Frio e aguarda informações sobre o funcionamento das escolas e da unidade de saúde.

G1 aguarda mais detalhes da PM sobre a operação de segurança no local e se há feridos por conta do confronto.

Veja as linhas de ônibus afetadas:

·         302 - São Cristóvão x Agrisa;
·         316 - São Cristóvão x Santo Antônio (via São Jacinto)
·         320 - São Cristóvão x Botafogo
·         321 - São Cristóvão x Tangará
·         327 - São Cristóvão x Maria Joaquina
·         330 - São Cristóvão x Angelim
·         343 - Rodoviária x Parque Eldorado
·         B530 - Cabo Frio x Santo Antônio (via Gargoá)
·         B490 - Cabo Frio x Jardim Esperança (via Ponte)
·     B490 - Cabo Frio x Jardim Esperança (via São Cristóvão)


Fonte: g1.globo.com

“Assim Falou Zaratustra” faz reapresentação neste sábado na Casa das Artes Usina4




A Peça teatral, baseado na obra do filosofo Friedrich Nietzsche  “Assim Falou Zaratustra”,  devido ao grande sucesso, volta ao palco neste sábado(25), às 20h , na Usin4.

Uma projeção e dramatização, seguida de debate filosófico, trás todo um contexto após descer a montanha em momento de profunda meditação, anuncia aos seus seguidores a morte de Deus e o nascimento de um novo homem.

“Assim Falou Zaratustra, reúne grandes atores  como Yuri Vasconcelos, Ravi Arrabal, Rodrigo Rodrigues, Tania Arrabal e o grande mestre José Facury, tendo como mediador Álex Garcia e Professor Moisés. Uma sessão do FilosoCena com banca de livro, cinema, dramatização e debates.

Ingressos:  Preço único R$ 10,00

Local : Rua Geraldo de Abreu, 4 – Jardim Excelsior -Cabo Frio, RJ

Texto: Rosália Moreira

Delegação de Portugal visita aeroporto internacional e indústria de sal de Cabo Frio


A comitiva de Ílhavo, cidade portuguesa que se tornará coirmã com Cabo Frio, iniciou nesta segunda-feira (20) as visitas técnicas em locais estratégicos do município. A agenda iniciou com a ida à área da salina da Perynas e da Refinaria Nacional de Sal S.A. (Sal Cisne), além do Cabo Frio Airport. A programação desta segunda também contou com uma reunião de apresentação dos projetos e empreendimentos previstos para Cabo Frio. O encontro contou com a presença do prefeito Dr. Adriano, de secretários municipais e empresários. Às 19h30 será a cerimônia de assinatura do convênio de cidades geminadas na Casa de Cultura Jose de Dome- Charitas.
A comitiva de Ílhavo está em Cabo Frio desde a noite da sexta-feira (18), onde inicialmente participou de uma agenda voltada ao entretenimento.
“Estamos trabalhando intensamente para oferecer um receptivo de qualidade. Durante o fim de semana a comitiva teve uma agenda mais informal com visitas nos pontos turísticos e missa solene na Igreja Católica. Hoje começamos as visitas técnicas nas salinas, no aeroporto e na apresentação de projetos previstos para contemplar o desenvolvimento econômico da cidade. As expectativas são as melhores possíveis para a assinatura do tratado”, disse o secretário do Turismo, Radamés Muniz.
O prefeito Dr. Adriano, presente na apresentação dos projetos para a comitiva, ressalta a importância de trazer investimentos para o desenvolvimento econômico de Cabo Frio.
“Estamos focados para trazer recursos, investimentos e desenvolvimento para nossa cidade. É muito importante a apresentação desses projetos para que os investidores e os moradores saibam de todo o potencial de Cabo Frio e para que o crescimento da cidade seja concreto e ordenado”, afirmou.
Já o coordenador da Comissão Cabo Frio-Portugal, Thomas Rosa, ressalta que a parceria com Ílhavo firma também um intercâmbio cultural.
“Com a assinatura do convênio iremos trazer para Cabo Frio o Festival do Bacalhau, que é um evento típico de Ílhavo e um dos mais tradicionais da gastronomia portuguesa, introduzindo essa iniciativa no calendário e na cultura cabo-friense”, relatou.
Nesta terça-feira (21), a comitiva irá participar de encontro com empresários e entidades da cidade e visita técnica no Instituto Federal Fluminense (IFF), com palestra do presidente da Câmara de Ílhavo, Antônio Caçoilo e da vereadora de Turismo, Fátima Teles.
Sobre Ílhavo
Ílhavo é uma cidade localizada na Região Central de Portugal, com aproximadamente 40 mil habitantes. Assim como Cabo Frio, a cidade apresenta forte segmento de pesca e na economia do mar, que evoluiu para uma região de forte vocação turística marítima, do sol e das praias; na forte indústria têxtil associada à praia e aos desportos náuticos e na cultura do sal.
O estreitamento entre as duas cidades foi viabilizado pelos coordenadores da Comissão Cabo Frio-Portugal, Thomas Rosa e Gustavo Miguelez. O objetivo é estreitar relações turísticas, sociais e econômicas entre as duas cidades, a exemplo do que já está sendo feito com Huzhou, na China.




Prefeito Dr. Adriano designa Comissão Extraordinária para apurar denúncias na Educação




O prefeito Dr. Adriano Moreno, no uso de suas atribuições legais, determinou a instauração de uma Comissão Extraordinária, composta por cinco membros, para auditoria preliminar e possível tomada de contas para apuração de denúncias. A medida foi tomada por conta de denúncias de supostas irregularidades na Secretaria de Educação, feita pelo ex-secretário e ordenador de despesas, ao ser desligado da função.
A portaria nº 3252, de 15 de maio, resolve: “Designar Comissão Extraordinária para auditoria preliminar e possível tomada de contas para promover a apuração dos fatos, a identificação dos responsáveis e a quantificação do dano ao erário, tendo em vista as supostas irregularidades apontadas em relação as contas da Secretaria Municipal de Educação”.
“Me causou surpresa as denúncias do ex-secretário porque ele era o responsável pelas despesas e eu como prefeito tenho mais interesse que qualquer pessoa que as denúncias sejam apuradas e os responsáveis, caso seja constada alguma irregularidade, sejam responsabilizados”, declarou o prefeito que, desde o início do mandato, em julho de 2018, tratou a Educação como uma das prioridades do governo,pagando, inclusive, acordos não cumpridos de gestões passadas.
Desde agosto do ano passado mais de quatro milhões e setecentos mil reais foram designados à Educação para pagamento de acordos não cumpridos de gestões passadas:
                                                                              
Agosto de 2018 – 4ª parcela do 13º salário/2015 – R$ 2.182.053,79
Janeiro de 2019 – 5ª parcela do 13º salário/2015 – R$ 2.081.923,98
Março de 2019 – 1º lote do acordo sindical  – R$ 98. 065,13
Fevereiro de 2019 – 2º lote do acordo sindical – R$ 100.647,65
Março de 2019 – 3º lote do acordo sindical – R$ 116.807,82
Maio de 2019 – 4º lote do acordo sindical* – R$ 99.741,62
Junho 2019 – 5º lote do acordo sindical*- R$ 116. 782,69
*Processos já empenhados
Total: R$ 4.796.022,68

“Não medimos esforços para que a Educação municipal receba o valor que merece. Nossos profissionais e alunos estão em primeiro lugar e assim continuarão. Estou otimista com a nova equipe que está à frente da Educação e o governo continuará  na postura de priorizar a qualidade do ensino”, finalizou o prefeito.


Marcio Mureb participa da última oitiva da CPI no Hospital da Mulher na Câmara de Vereadores




O secretário de Saúde de Cabo Frio, Dr. Marcio Mureb, participou na manhã desta segunda-feira (20), na condição de testemunha, da última oitiva da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), formada pela Câmara de Vereadores, que investiga as mortes de nascituros no Hospital da Mulher. O depoimento durou cerca de 1h30 e todos os questionamentos feitos pelos parlamentares foram respondidos, entre eles a entrega dos prontuários solicitados pelas pacientes.

O secretário esclareceu que a Secretaria está em processo de informatização para que todos os pacientes tenham seus prontuários à disposição assim que tiverem alta, eliminando de vez as fichas cadastrais e prontuários feitos à mão.  

“Estamos na fase 2 da informatização de todas as unidades de saúde. Começamos com a saúde básica e agora vamos avançar para as unidades de saúde do município. A fase 3 será tornar viável o prontuário eletrônico para disponibilização imediata e também acompanhamento da paciente. Sabemos da importância de termos um histórico qual medicamento ele tomou, quais exames foram  realizados, dentre outras informações que fazem toda a diferença no atendimento”.

Durante a oitiva, Mureb explicou também sobre o novo protocolo atendimento adotado pela nova administração do hospital, que trabalha para humanizar o atendimento forma mais incisiva visando detectar a real situação da paciente. Ao ser questionado sobre a morosidade das licitações, o secretário frisou que existe um trâmite legal e que por isso a demora, mas que está trabalhando para que haja um avanço nesse quesito.

“Estamos com algumas licitações em andamento para sanar os problemas não só no Hospital da Mulher, mas em todas as nossas unidades. Lembrando que todas as licitações são amplamente divulgadas no Diário Oficial da União, no Diário Oficial do Estado e em um jornal de grande circulação”.

Segundo a comissão parlamentar, o próximo passo da CPI será a elaboração do relatório final, que deve ser concluído até o fim deste mês.

Interdição Hospital da Mulher

O Hospital da Mulher permanece parcialmente interditado, desde sexta-feira (17), pelo Conselho Regional de Medicina do Rio de Janeiro (Cremerj). A unidade está atendendo apenas as 11 pacientes internadas, que já estavam sendo assistidas antes da interdição, além dos casos de emergência, para que não configure omissão de socorro. Até omomento, todas as adequações estão sendo feitas, entre elas a entrega da documentação solicitada pelo órgão. As gestantes estão sendo orientadas a procurar maternidades em cidades vizinhas até que essa situação seja resolvida.

Ainda na sexta, a Secretaria descredenciou a Unidade Intermediária (UI Neonatal), que já não funcionava há aproximadamente seis anos, e era um dos apontamentos do órgão. “O funcionamento da UI necessita de médicos especializados, mas é inviável a contratação devido à situação financeira do município que não possibilita, nesse momento, o pagamento de salário compatíveis com a função.



Alunos da rede municipal recebem exposições itinerantes da Fiocruz


A partir desta segunda-feira (20), a Coordenadoria-Geral de Ciência, Tecnologia e Inovação (Cogetei) promove, em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura, as exposições itinerantes “Nós do Mundo” e “Mini Darwin”. As mostras, que pertencem ao Museu da Vida, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), é oferecida aos alunos da rede municipal de ensino e encontra-se na Escola Municipal Vereador Leaquim Schuindt até o dia 31 de maio.

A exposição é aberta para alunos da unidade, bem como para estudantes das escolas Professora Elza Maria Santa Rosa Bernardo, Talita Hernandes Perelló e Professor Carlos Alberto Gomes De Carvalho. A expectativa é receber mais de 1.400 visitantes nesta etapa.
Na segunda fase, as exposições seguirão para a Casa de Cultura José de Dome – Charitas, onde ficarão abertas à visitação de toda a comunidade de 4 a 30 de junho, com entrada gratuita. O espaço cultural funciona de segunda a sexta-feira, das 9h às 19h; sábados, domingos e feriados, das 15h às 19h. De acordo com a coordenadora-geral da Cogetei, Bruna Knauf Teixeira, após o Charitas, as exposições irão para a Escola Agrícola Municipal Nilo Batista.
“A ideia é dar continuidade aos projetos já iniciados na Cogetei, porém ampliando a rede de parcerias e participantes com a possibilidade de levar essas exposições a outras escolas do município, contemplando também os alunos de Tamoios”, afirmou.

Sobre as exposições
A exposição “Nós do Mundo” é composta por painéis que discutem a relação do homem com a natureza, mostrando tanto o cenário mundial contemporâneo como algumas das soluções já existentes para o alcance de um desenvolvimento mais sustentável. Aborda temas como consumismo exagerado, mudanças climáticas, matrizes energéticas, desigualdades sociais e degradação do meio ambiente.
Já a exposição “Mini Darwin” apresenta uma expedição de crianças às Ilhas Galápagos, no Oceano Pacífico, levando o visitante a redescobrir o trabalho de Charles Darwin, naturalista inglês autor da teoria da evolução das espécies por seleção natural. As exposições são conduzidas pelos professores Fábio Pereira e Luciano de Oliveira, diretores técnicos da Cogetei.




- |