Leal Porto

Leal Porto

RESTAURANTE DA PONTE

RESTAURANTE DA PONTE
"O lugar certo de comer peixe" - Em cima do Mercado Municipal do Peixe (22) 2647-5341

quinta-feira, 25 de maio de 2017

Deputado Silas Bento Faz Duas Votações em Prol do Cidadão e do Estado


Segue de parabéns a postura do deputado estadual Silas Bento (PSDB) por seu posicionamento não compactuando com o Governo Pezão/Sérgio Cabral (PMDB) que efetivamente vem fazendo manobras macabras para que o cidadão pague pelo rombo de bilhões de reais que a quadrilha do Sérgio Cabral desviou dos cofres públicos.

1º Voto - Contra a prorrogação do estado de Calamidade Financeira

O deputado Silas votou contra a vergonhosa prorrogação do estado de Calamidade Financeira do Estado do Rio de Janeiro que ia até dezembro de 2017 e através dessa manobra suja se prorrogará até dezembro de 2018, deixando assim o Governador Pezão com carteirinha para fazer o absurdo que quiser e se livrar das penalidades previstas na Lei de Responsabilidade Fiscal.

2º Voto - Contra o aumento da cota previdênciária

O deputado Silas também votou contra o inescrupuloso aumento da cota previdenciária que foi elevada de 11% para 14%, fazendo com que os trabalhadores paguem a conta deixada pela corrupção da gangue do Sérgio Cabral. Ao invés de sobretaxar trabalhador o Governo Pezão/Sérgio Cabral tem a obrigação de cobrar a dívida ativa dos Gigantes e Famosos sonegadores.

Do Blog Cartão Vermelho:


Parabéns Deputado Silas Bento, sua postura faz com que seus eleitores da Região dos Lagos sintam orgulho de ter um representante que vota pensando na população e não no próprio bolso. Siga nesse caminho do bem, nós aqui lhe agradecemos.

Homicídio em Arraial do Cabo (Imagens Fortes)


Um homem foi morto na noite de ontem (24/05) em torno das 19h no bairro Praia do Anjos na cidade de Arraial do Cabo.


A vítima era conhecida na cidade como Zé do Gás, filho de Zezé de Celeste, e estava andando pela calçada quando um outro homem chegou e efetuou 4 disparos a queima roupa contra o peito de Zé do Gás.


O corpo foi encaminhado ao IML de Araruama e o caso foi encaminhado a 132ª DP de Arraial do Cabo. Até o fechamento dessa matéria ninguém havia sido preso ou indiciado. 

Janio Mendes vota a favor de Pezão pela prorrogação do estado de calamidade


Sei que não é surpresa alguma, mas como de costume o deputado estadual da base do Governo Pezão/Sérgio Cabral (PMDB), Janio Mendes (PDT), votou nos interesses pouco transparentes de suas lideranças políticas.

Dessa vez Janio votou pela prorrogação do estado de Calamidade Financeira do Estado do Rio de Janeiro que ia até dezembro de 2017 e através dessa manobra se prorrogará até dezembro de 2018, deixando assim o Governador Pezão com carteirinha para fazer o absurdo que quiser e se livrar das penalidades previstas na Lei de Responsabilidade Fiscal.


Para amenizar a péssima imagem na sequência de votações a favor do governo e contra o interesse da população, como a venda da CEDAE entre outros, o deputado Janio Mendes fez uma graça e votou contra o aumento da cota previdenciária dos trabalhadores.

Prefeitura de Arraial do Cabo Enfrenta Grave Crise Financeira


A Prefeitura de Arraial do Cabo perdeu em média 24% da sua arrecadação dos royalties de petróleo, uma perda contínua e que se estende desde que o prefeito Renatinho Vianna (PRB) tomou posse em janeiro de 2017.

Prefeito Renatinho Vianna
Para superar a vertiginosa queda na arrecadação municipal, o prefeito Renatinho Vianna está cortando gastos da máquina pública e fazendo redução das seguintes secretarias: Governo, Eventos e Comunicação, Esporte e Lazer, Indústria, Comércio, Habitação e Regularização Fundiária.


Além disso está havendo também cortes de cargos comissionados e redução salarial nos cargos de confiança, com as medidas o prefeito tenta atravessar a crise sem atrasar salários e mantendo os serviços essências como Saúde, Educação e Limpeza Urbana com seus funcionamentos normalizados.

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Denuncie os Desmandos da PROLAGOS, não deixe essa empresa impune


O vereador Vanderlei Bento (PMB), que é filho do deputado estadual Silas Bento (PSDB), está dando orientação técnica e apoio jurídico as milhares de vítimas da empresa Prolagos, já famosa por não respeitar leis e direitos do consumidor em uma escala nunca vista antes.

Se você passa pelos péssimos serviços da Prolagos como:

- Cortaram sua água indevidamente? Não te comunicaram do corte.

- Cobraram pelo seu hidrômetro? Ato ilegal e passível de indenização no dobro do valor pago.

- Contas altas demais? Vendendo vento pelos canos ao invés de água.

- Não foi atendido com RESPEITO? Péssimo atendimento e desrespeito com o consumidor é uma marca da Prolagos.

- Sua conta oscila?

Vereador Vanderlei Bento
DENUNCIE pelo (22) 99770-8102 WhatsApp que o Vereador Vanderlei Bento está disponibilizando para que você tenha seus direitos preservados.


Não deixe a Prolagos impune, essa empresa terá que passar a respeitar os cidadãos da Região dos Lagos ou sumir daqui!

Estréia da Coluna: Respeitável Público - Por Manoel Atanásio


Coluna Respeitável Público - Política, Religião, Causos, Ponto de Vista e Opinião.

Respeitável público, a partir de agora estarei semanalmente escrevendo neste blog, escreverei o que sentir vontade, e essa é a vantagem de poder escrever no Cartão Vermelho, já que não existe uma linha tênue que separe "o que pode" ou "o que não pode", basta ser o responsável pelo que se escreve e pronto. 

Falarei sobre diversos assuntos como por exemplo: religião, política local, estadual e federal, causos e casos. Neste momento onde tudo se confunde e opiniões se entrelaçam, para depois se dividir, buscarei ser quem sou, escrevendo da mesma forma que sempre escrevi. Minha coluna será todas as quartas e havendo uma "emergência" também será nas sextas-feiras, mas só em caso de "emergência"!

Desde já agradeço o espaço aberto pela família Cartão Vermelho e até a próxima semana, já tocando em tabus que a sociedade odeia, mas que praticam na calada, para ter o prazer de criticar!


Manoel Atanásio 

Rafael Peçanha Responde Com Processo a Nova Denúncia de Anthony Ferrari


Após nova postagem em redes sociais do comunicador Anthony Ferrari exibindo a ficha financeira do Vereador Rafael Peçanha, no ano de 2010, quando o vereador havia sido aprovado como professor, em concurso público para prefeitura de Cabo Frio, e segundo Anthony o vereador estaria irregularmente cedido a SEGOV (Secretaria de Governo) no período probatório (relembre a denúncia clicando AQUI). O vereador Rafael Peçanha (PDT) emitiu nova nota.

Na nova nota o Vereador Rafael Peçanha afirma que Anthony faltou com a verdade a mando do ex-prefeito Alair Corrêa, e que por isso já está processando o comunicador por calúnia e difamação.

Segue a nota na íntegra:

"NÃO NOS CALARÃO!

Acabo de ler, nas redes sociais, mais uma postagem de um ex-funcionário comissionado do governo Alair, que administrava o Hospital da Criança recentemente. O cidadão postou cópias de contracheques meus, passados e atuais, fazendo acusações infundadas. Fica claro que se trata do pior ex-prefeito da história da cidade, que, sem ter a CORAGEM de continuar a me enfrentar, ordena a seus seguidores que sigam levantando mentiras em seu lugar, com o objetivo claro de colocar em dúvida a minha história. Minha vida pública e política sempre foram transparentes, e, por isso, gostaria de declarar:

1 - O cidadão que tem utilizado seu tempo para me atacar, com fins obviamente políticos, JÁ ESTÁ RESPONDENDO NA JUSTIÇA pelos danos morais que aparentemente está me causando. Abri contra ele, na última sexta, dia 19, o processo 0007300-82.2017.8.19.0011, do qual sou autor e o citado senhor é RÉU.

2 - Jamais recebi além do meu salário como servidor municipal efetivo. Jamais recebi portarias ou cargos comissionados em governo algum. Para isso, disponibilizo minha ficha financeira e extratos bancários de qualquer período aos interessados, como forma de comprovação. Minha matrícula, há 8 anos, é a mesma: 152065, e nada além disso;

3 - Encontro-me licenciado sem receber os vencimentos de meu cargo efetivo no município de Cabo Frio, conforme opção pessoal, já que a legislação me permite acumular os cargos de vereador e professor, havendo compatibilidade de horários. Para comprovar, coloco à disposição de qualquer cidadão minha ficha financeira e extratos bancários deste ano. Cabe lembrar que a prefeitura ainda me deve salários do ano passado, bem como 1/3 de férias e valores referentes a décimo-terceiros;


4 – Por ocasião do processo 0025444.12.2014.8.19.0011, que abri contra o ex-prefeito Alair Corrêa por me acusar das mesmas mentiras, tenho anexado aos autos deste TODOS OS MEUS CONTRACHEQUES, e os deixarei à disposição para qualquer cidadão que queira consultar minha vida profissional. EU NÃO TENHO MEDO DA JUSTIÇA.

5 – Fica evidente que os ataques são retaliações ao nosso trabalho de enfrentamento a um modelo político que faliu nossa cidade, deixando, poucos, muito ricos, e, muitos, muito pobres. São os políticos de sempre, fazendo o que sempre fizeram, tentando frear nosso mandato fiscalizador e combativo, por temer a novidade que estamos lutando para apresentar à história política da nossa cidade. MAS NÃO NOS CALARÃO.

Finalizando, afirmo que seguirei este debate nas raias da justiça, com a coragem de sempre, contra o medo dos que temem nosso mandato." -
Vereador Rafael Peçanha

Há 07 anos - Direto do Túnel do Tempo. Por Thaís Lima


A nossa querida máquina do tempo recarrega suas baterias e se prepara para viajar agora por longos 7 anos e desembarca nos fatos e notícias que marcaram a Região dos Lagos entre os dias 17 de maio à 24 de maio de 2010.

E vamos viajar no tempo:

Notícia: Sérgio Cabral em Cabo Frio
- Clique AQUI para relembrar.

Resumo: As vésperas da eleição para governador, em 2010, o atual presidiário Sérgio Cabral vinha catar votos incautos em Cabo Frio, claro com o apoio de muitos políticos sorridentes.

Notícia: 
Paulo Melo ou Alfredo Gonçalves
- Clique AQUI para relembrar.

Resumo: Momentos impagáveis da nossa política, Alfredo Gonçalves sonhava ser candidato a deputado estadual em 2010, mas tomava uma pernada de Paulo Melo e nem candidato conseguiu ser.

Notícia: Clube dos 15
- Clique AQUI para relembrar.

Resumo: No dia 20 de maio de 2015 o extinto "Clube dos 15" estava fervendo no saudoso Café Per Tutti. As reuniões eram sucesso de público.

Notícia: 
Babade 2012
- Clique AQUI para relembrar.

Resumo: O comunista professor Babade era notícia no Cartão Vermelho, na época o professor sonhava em ser candidato a prefeito da cidade.

Notícia: Um programa para a história
- Clique AQUI para relembrar.

Resumo: Um programa para história, foi  a matéria que narrava a estréia do jornalista Tony Fonseca (recentemente falecido) como apresentador temporário do programa Cartão Vermelho, nesse programa Álex Garcia foi o entrevistado e como sempre foi muito polêmico, vale conferir a matéria na íntegra.

Notícia: Momento Curiosidade
- Clique AQUI para relembrar.

Resumo: - Quando a promessa da UERJ seria realidade em Cabo Frio?  Nunca aconteceu rsrs

- Quando mesmo ficará pronto o Club Med? Foi até promessa de campanha em 2008, ia gerar 13 mil empregos kkkk.

- E o restaurante a R$ 1,00? Até hoje só promessa.

- Escola Padrão em tempo integral? Nem padrão e nem tempo integral, 7 anos depois tudo igual.

- Estacionamento subterrâneo na Praça Porto Rocha para 400 veículos? Nem para  1, imagine para 400 rsrs

Até a nossa próxima e saudosa viagem, e dedico a coluna de hoje ao meu amigo, professor, jornalista e doutor Tony Fonseca (in memorian).

Thaís Lima
thaislimagarcia@gmail.com

terça-feira, 23 de maio de 2017

Nota de falecimento, comunicado de velório e sepultamento do Gabril di Lorio


O Blog Cartão Vermelho comunica com muito pesar o falecimento do querido jovem Gabriel di Lorio.

A família convida os parentes e amigos para o velório que acontece hoje (21/05) na Capela de n.º 03, Capela da Penitência no cemitério do Caju que fica na Rua Monsenhor Manuel Gomes - Caju, Rio de Janeiro.


O sepultamento será amanhã (22/05) às 11h.

Toda a genialidade do Mestre Zel Humor "Aécio se explique..."


Bastidores da Política e da Imprensa - Candidatos à Deputado Federal 2018


Deputado Federal

Dando continuidade aos "Bastidores da Política e da Imprensa" onde estamos enumerando os pré-candidatos a deputado estadual e federal de Cabo Frio estamos hoje (23/05) apresentando a listagem dos pré-candidatos à deputado federal. Mas se quiser conferir a matéria com os pré-candidatos à deputado estadual basta clicar AQUI.

Carlos Victor

Uma das prováveis candidaturas à deputado federal é a do irmão do prefeito de Cabo Frio, Dr. Carlos Victor (ainda sem partido), com a eleição do irmão Marquinho Mendes (PMDB) para prefeito ano passado, Carlos Victor já se impôs como candidato a deputado federal, como fez de forma fracassada em 2010.

Carlos Victor 2

Vivique, como é conhecido pelos amigos, sabe que é um político pesado, sem carisma, e ao estilo Copa do Mundo, só aparece para cabo eleitoral e aos eleitores de 4 em 4 anos, ou ele se impunha como candidato a partir de agora ou veria a Kamilla Mendonça (esposa de Marquinho) crescer politicamente e ameaçar seus sonhos.

Carlos Victor 3

Mas mesmo se impondo Carlos Victor não é unanimidade no grupo do Marquinho Mendes (PMDB), muito pelo contrário é mal quisto em quase toda a base aliada. No momento Carlos Victor está focado em conseguir uma vaga no PRB para que seja candidato por um partido mais leve.

Luís Geraldo

Já o carismático vereador Luís Geraldo (PRB) é pré-candidato à deputado federal pelo partido que Vivique quer uma vaga. Luís é um nome mais leve, mais fácil de decolar e é de confiança do presidente municipal do PRB, e empoderado secretário municipal Cláudio Bastos.

Luís Geraldo 2

Apesar de nunca ter participado de uma campanha grande o nome de Luís Geraldo (PRB) agrega nomes dentro do Governo Marquinho Mendes (PMDB), vale lembrar que Luís é irmão do mestre da política Dr. Hélcio Azevedo.

Luís Geraldo 3

Luís Geraldo é o vereador com maior preparo intelectual da Câmara de Vereadores, é novo na política, jamais teve seu nome envolvido em escândalos ou esquema, pode ostentar com orgulho a marca de candidato ficha limpa.

Miguel Alencar

Um nome que está sonhando com a candidatura à deputado federal é o vereador Miguel Alencar (PPS), novo na política, sem amarras, e com propostas interessantes, vem desempenhando um excelente papel como vereador, é um nome leve e que se alguém maior colocar a mão pode traçar vôos altos. O Miguel é mais um dos nomes que hoje não compõe aliança com Carlos Victor, o velho e pesado político teria dificuldade de aglutinar.

Dr. Adriano

Esse hoje é o nome mais observado no cenário político, Dr. Adriano (REDE) é uma "caixa preta" ninguém sabe o que pensa, ninguém sabe suas propostas, ninguém sabe se será de fato candidato. Não escreve textos, não divulga intenções, raramente dá entrevista e quando dá não fala nada com coisa nenhuma. Mas mesmo assim ficou em segundo lugar na eleição de 2016, superando os decadentes Janío Mendes (PDT) e Dr. Paulo César (PSDB).

Dr. Adriano 2

A expectativa é que Dr. Adriano (REDE) faça sua candidatura no sentido de enfrentar nas urnas o Dr. Carlos Victor. Adriano sabe que se tiver mais votos que Carlos Victor fica muito fortalecido para a campanha de prefeito em 2020, e sejamos sinceros o Dr. Adriano vai humilhar o Carlos Victor nas urnas.

Dr. Paulo César

Já quase na fase de ex-político o Dr. Paulo César (PSDB) deve vir candidato à deputado, o que não se sabe ao certo é se será estadual ou federal. Mas como a candidatura de Silas Bento (PSDB) é a reeleição de deputado estadual fica a expectativa que Dr. Paulo César seja candidato à deputado federal, ou abandone o seu partido PSDB em busca de outra legenda.

Walmir Porto

Quem também figura como pré-candidato à deputado federal é o empresário Walmir Porto (PR) que concorreu ao cargo de deputado federal na eleição de 2014. Com o enfraquecimento do PMDB de Sérgio Cabral se abre um novo caminho ao governo do estado ao PR do Garotinho, mas será que Walmir vai querer mesmo ser candidato?

Bernardo Ariston

O ex-político Bernardo Ariston, que tem nome envolvido em delações premiadas da Odebrecht com o apelido de Rasputinzinho, provavelmente não será candidato novamente à deputado, seus últimos vexames eleitorais não deve mais permitir candidatura a cargo além de vereador. Se quiser relembrar o escândalo envolvendo Bernardo Ariston basta clicar AQUI.

Dirlei Pereira

E para dizer que não tem nanicos sonhando em participar da eleição de deputado federal o intrépido e polêmico Dirlei Pereira pode vir novamente candidato e tentar conseguir os sonhados 1.000 votos, votação jamais atingida pelo psicodélico político.

Dirlei Pereira 2

Dirlei tem sido atuante em críticas ao Governo Marquinho Mendes (PMDB), tem circulado no meio empresarial e evangélico, e todos na cidade sabem de sua ambição pelo poder, portanto quem sabe o nanico Dirlei não completa o cenário de deputado federal.

Politicando 2018

Na nossa tradicional coluna política "Politicando" iremos abordar individualmente cada um desses nomes, história política e chances reais de serem eleitos. Aguardem!

Anthony Apresenta Provas Que Rafael Peçanha Foi Funcionário Fantasma


O comunicador Anthony Ferrari voltou as redes sociais com a documentação que afirmou possuir e que comprovariam ser o Vereador Rafael Peçanha funcionário fantasma da Prefeitura de Cabo Frio, período que Rafael não poderia ter se afastado do serviço público, já que estava em período probatório.


Segundo a documentação apresentada por Anthony Ferrari, como sendo a ficha financeira do Vereador Rafael Peçanha (imagem acima), mostra que Rafael Peçanha estaria lotado na Secretaria de Governo (SEGOV) ao invés de estar lotado e dando aula na Secretaria de Educação onde é concursado público.


Segundo Anthony Ferrari, o vereador Rafael Peçanha já seria réu em um processo aberto no Ministério Público por ter sido cedido irregularmente em período probatório.

Anthony também acusa o vereador de na verdade não ir trabalhar na SEGOV e de fato estar fazendo campanha para seu "tio" e deputado estadual, Janío Mendes (PDT). Ao final de seu texto o comunicador desafia o vereador Rafael Peçanha a responder suas acusações que agora estão baseados em provas.

Veja na íntegra o texto do comunicador Anthony Ferrari:

"BOMBA- BOMBA -BOMBA

RAFAEL PEÇANHA TERÁ  QUE SE EXPLICAR AO MINISTÉRIO  PÚBLICO


AGORA QUERO VER RAFAEL DE JÂNIO  MENDES PEÇANHA DESMENTIR... AÍ ESTA OS CONTRA CHEQUES DESSE QUE SE FAZ DE PURITANO ... SEUS POMPOSOS SALÁRIOS  NA SECRETARIA E SEU SALÁRIO COMO PROFESSOR... NOTEM QUE ELE RECEBEU NO MÊS  DE JANEIRO QUANDO JÁ VEREADOR SEM ENTRAR EM SALA DE AULA E NÃO DEVOLVEU O DINHEIRO E QUANDO NA SECRETARIA NA PREFEITURA RECEBEU QUANDO NÃO DEVERIA POIS ESTAVA EM CAMPANHA POLÍTICA COM SEU PADRINHO JÂNIO  MENDES ... OI SEJA ELE ENGANOU O POVO , O SEPÉ E A TODOS ... O QUE ELE VAI FALAR AGORA?
" - Anthony Ferrari

NÃO PERCA - Corredor Cultural da Câmara apresenta hoje um maravilhoso Sarau


O Corredor Cultural Torres do Cabo da Câmara de Vereadores de Cabo Frio, que tem como gestor o gentleman e ativista cultural Ricardo Varella, convida a população para visitar  o espaço cultural para apresentação de um  Sarau que contará com as seguintes atividades:

- Apresentação do maestro Francisco Javier

- Declamação das poesias de Rosana Andreia

- Exposição dos artistas Nelly Lippy e José Medeiros

Tudo isso hoje, terça-feira (23/05) de 17h às 18h no Corredor Cultural da Câmara de Vereadores, que fica no espaço que dá acesso ao plenário da casa legislativa.


Entrada Franca. Contamos com sua presença! 

Emas não enterram a cabeça no chão. Por Pedro Nascimento Araujo


É uma imagem recorrente no imaginário popular: o avestruz enterrando a cabeça na areia. Embora sugestões de que a avantajada ave o faça quando quer-se esconder (o que conferiria um ar de inocência infantil ao se contrastar um corpanzil totalmente visível com uma pequena cabeça escondida), a verdade é que o macho da ave não-voadora faz isso várias vezes ao dia para auxiliar no processo de incubação. Esclarecimento biológico feito, é necessário dizer que o avestruz é animal africano, adaptado aos desertos de lá – daí os ovos enterrados na areia fofa para controle de temperatura. Aqui, na América do Sul, a ave de maior porte é a ema, que chega a pesar 30 kg (o avestruz pesa até 150 kg). A ema faz ninho com folhas sobre a relva e não enterra a cabeça no chão. Todavia, na América do Sul, o conjunto dos países está agindo como avestruzes diante do que ocorre na Venezuela. Deveriam agir como emas diante do governo de Nicolás Maduro. A Venezuela é uma ditadura em consolidação e continuamos fingindo que nada de anormal está acontecendo em um país adjacente ao nosso. Haja cabeça enterrada no chão para não ver.

A Argentina é o mais conhecido caso de país sul-americano que já foi primeiro mundo e hoje é terceiro. Por outro lado, o Chile é o caso mais premente de país que já foi terceiro mundo e hoje está caminhando para o primeiro, apesar de alguns retrocessos pontuais durante a segunda temporada de Michelle Bachelet à frente de la Moneda. Há ainda o Brasil, que claudica desde a Independência e notadamente convive com sístoles e diástoles desde o Golpe da República. Mas, acima de tudo, há a Venezuela, o incrível país que quase foi primeiro mundo e agora se afunda dramaticamente no terceiro. Parece mentira, mas a Venezuela já foi um dos país mais com o maior PIB per capita da América do Sul – e, hoje, mais de 80% das residências vive abaixo da linha de pobreza. Soa inacreditável, mas o bolívar (dinheiro local que a hiperinflação fez valer mais pelo valor físico do papel-moeda em si do que pelo valor fiduciário nele pintado: hoje, bolívares servem apenas para falsificação) já foi uma das moedas consideradas reserva de valor no mundo, como o franco suíço, por exemplo. Até 1983, quando a Crise da Dívida Externa, que já havia derrubado gigantes ibero-americanos como Brasil e México, atingiu o país, o bolívar era literalmente moeda de reserva internacional conversível – e, obviamente, a Venezuela era considerada um país estável e sério. Depois da crise dos anos 1980, o descalabro só fez crescer. A decadência econômica e a instabilidade política viraram regra. Então veio o coronel Hugo Chávez. E tudo o que era ruim piorou. A Venezuela surfou na onda do chamado Superciclo das Commodities nos anos 2000. O país caribenho tem reservas de petróleo entre as mais volumosas do mundo, mas é óleo pesado, caro de produzir e que necessita de muito processamento – em oposição, os sauditas possuem óleo leve e cuja produção é baratíssima. Porém, com o preço do barril de petróleo batendo recordes sucessivos, até mesmo o socialismo funciona – ainda que apenas em quanto durar a bonança. Dito e feito. Chávez fez de seus dias à frente do Palácio Miraflores a base para a cubanização da Venezuela. Isso implicava duas coisas: estatização da economia e supressão da democracia, não necessariamente nessa ordem. Não era segredo que Chávez pretendia fazer de si mesmo um segundo Fidel Castro. Um câncer o mataria antes, mas é mister reconhecer que Chávez deixou boa parte do trabalho já feita para Nicolás Maduro: economia em frangalhos e destruição da democracia. Enquanto isso, quando governos simpáticos aos mesmos princípios estavam no poder em Buenos Aires e Brasília, observava-se silêncio obsequioso em relação ao desmonte da democracia venezuelana – e a ruína econômica foi premiada com uma rasteira no Paraguay para permitir a entrada de Caracas no Mercosul. O avestruz nem se dava ao trabalho de esconder a cabeça nessa época. O Superciclo das Commodities acabou e, com o fim do almoço grátis, Argentina e Brasil voltaram a ser comandados por governos que valorizam a ortodoxia econômica e a democracia no ano passado. O corolário foi o isolamento político de Maduro que, diante de uma economia em negativo (desde 2015, quando a inflação foi de 181% e a recessão bateu em 5,7%, que não há dados oficiais, mas estimativas falam em inflação de até 800% e recessão de até 19% - números que nem países em processo de destruição por guerra civil como a Síria têm), recorreu ao endurecimento político. A Venezuela, sem medo de errar no diagnóstico, é uma ditadura em consolidação, embaixo de nossos narizes.

Nicolás Maduro é um desastre tão vasto quanto seu ridículo bigode, mas não criou a desgraça sozinho. Se hoje mais de 80% das residências é oficialmente pobre, esse número já era próximo de 50% quando Cháves o ungiu seu sucessor, no final de 2013. É fácil pintar Nicolás Maduro como um Marcelo Caetano ibero-americanos, mas a situação é pior. Caetano assumiu sabendo que poderia presidir o desmanche da ditadura do Estado Novo que Salazar havia iniciado quase quatro décadas antes, ao passo que Maduro assumiu para consolidar o bolivarianismo de Chávez ainda não havia institucionalizado completamente. E é exatamente a institucionalização da ditadura, a consolidação do regime que estamos assistindo. Aliás, as constantes referências a de Simón Bolívar por parte de Hugo Chávez deixaram bem claro desde o início que a democracia não era um valor inegociável – quando presidiu a Grande Colômbia, Bolívar deixou claro que democracia era apenas discurso e, na prática, foi um pioneiro dos caudilhos que chegam ao poder pelo voto e rapidamente se transformam em ditadores, uma figura tristemente comum na política ibero-americana. Prosseguindo, aos poucos Chávez foi, ao melhor estilo Bolívar, distorcendo as leis para se perpetuar como o novo Castro. Armou suas milícias (os infames colectivos, embriões de FARC bancados pelo Palácio Miraflores) com 500 mil rifles. Tentou impedir a oposição de tomar posse na Assembleia Nacional – e conseguiu impugnar três congressistas, impedindo assim a aprovação de emendas constitucionais. Controla o Poder Judiciário e, com isso, impediu que seu recall, convocado de acordo com a constituição do país, seja realizado pelos eleitores antes do final de seu mandato, previsto para acabar no fim de 2018. Controlando o Poder Judiciário, mantém presos políticos, não realizou as eleições regionais marcadas para 2016 e não deve realizar as eleições municipais marcadas para este ano, o que coloca em dúvida a própria realização da eleição presidencial de 2018. E, por fim, Nicolás Maduro simplesmente tentou fechar o Poder Legislativo e repassar suas funções para o submisso Poder Judiciário – mas teve de recuar, ao menos momentaneamente: até para os padrões de Maduro, seria uma ditadura escancarada demais e os protestos populares que se seguiram estavam indubitavelmente levando o país à beira de uma guerra civil. A democracia venezuelana ainda está tecnicamente viva, mas só com o auxílio de aparelhos ligados 24 horas.

É verdade que Argentina e Brasil têm sido mais enérgicos com a Venezuela desde que Michel Temer e Mauricio Macri passaram a ocupar respectivamente o Palácio do Planalto e a Casa Rosada. A cumplicidade bovina com que Cristina Férnandez e Dilma Rousseff (ou, antes delas, Néstor Kirchner e Lula da Silva) recompensar os arroubos autoritaristas de Nicolás Maduro (e, antes dele, os de Hugo Chávez) já é parte do passado. A Venezuela não mais tem na UNASUL sua frente avançada de propaganda – a invocação da cláusula democrática do Protocolo de Georgetown de 2010 (curiosamente, patrocinada por Hugo Chávez após uma confusão no Equador de seu aliado Rafael Correa) já está em estudos. E, principalmente, a retirada do país caribenho do Mercosul (conquanto em momento tenha chegado a ser integrada totalmente ao bloco) parece não ser mais do que mera questão de formalidades jurídicas temporais. Além disso, a cláusula democrática do Mercosul (Protocolo de Ushuaia de 1998) pode ser acionada, permitindo inclusive o fechamento de fronteiras. E, na Organização dos Estados Americanos (OEA, entidade fundada em 1948 e que reúne todos os países das Américas), após o secretário-geral Luis Almagro anunciar que levaria a possibilidade de evocar a Carta Democrática Americana (curiosidade: assinada em Lima no fatídico 11 de Setembro de 2001) para o plenário contra a Venezuela, o país simplesmente antecipou-se e anunciou sua saída do Pacto de Bogotá – publicamente, Almagro não fala mais em manter a democracia na Venezuela, mas sim em redemocratizar o país, tomando como fait accompli que a Venezuela não é mais uma democracia. Esse é o tamanho do isolamento que Nicolás Maduro tem hoje, mas ainda é pouco. Argentina, Brasil, Paraguay e Uruguay devem passar a agir como Almagro e reconhecer o óbvio: a Venezuela é uma ditadura e a redemocratização precisa ser buscada. Mercosul e Unasul, capitaneados por Brasil e Argentina, deveriam invocar logo suas respectivas cláusulas democráticas e isolar completamente a Venezuela. Se Caracas quiser sair de ambas, que saia e só retorne quando se redemocratizar. A presença do governo ditatorial de Nicolás Maduro é tóxica para o Hemisfério Ocidental e deslegitima a atuação das organizações internacionais em tela. Faz mal ao Brasil e aos seus parceiros defensores da democracia e dos direitos humanos. A história ibero-americana nos recomenda jamais tergiversar com protoditadores – especialmente quando eles vão se sentindo cada vez mais à vontade. Lutamos demais para termos nossas democracias. É, portanto, nosso imperativo moral inarredável defendê-las em todo o nosso hemisfério. Não podemos nos dar ao luxo de adotar quaisquer ações que nos façam parecer com avestruzes enterrando a cabeça no chão perante tiranetes de plantão; aqui é América do Sul e aqui há emas, não avestruzes – e emas não enterram a cabeça no chão.

Pedro Nascimento Araujo é economista.

segunda-feira, 22 de maio de 2017

Bastidores da Política e da Imprensa - Candidatos a Deputado em 2018


Corrida eleitoral

Definitivamente está aberta a temporada da eleição 2018 em Cabo Frio, e já começam a aparecer vários nomes dando como certa suas candidaturas a deputados estadual e federal pela cidade. Hoje falaremos dos pré-candidatos a deputado estadual na cidade de Cabo Frio.

Politicando

Claro que a coluna Politicando terá sua edição 2018, como tradicionalmente ocorre desde 2010, lá abordaremos as candidaturas de forma mais profunda em toda a Região dos Lagos, mas por enquanto vamos falar de quem já é pré-candidato por aqui.

Silas Bento

Uma das candidaturas certa será a tentativa de reeleição do deputado estadual Silas Bento (PSDB), Silas tem se destacado na ALERJ com votações a favor da população e dos trabalhadores, desde que assumiu seu mandato tomou uma postura distante do Governo Pezão/Sérgio Cabral (PMDB) e não tem seu nome envolvido em escândalo de corrupção, Silas pode exibir com orgulho a faixa de candidato Ficha Limpa e em prol dos interesses do povo.

Janio Mendes

Quem também é deputado estadual e tudo indica que será novamente candidato concorrendo ao terceiro mandato é o deputado Janío Mendes (PDT), mas de forma diferente de Silas Bento (PSDB) o candidato do PDT está enfiado até o pescoço no Governo Pezão/Sérgio Cabral (PMDB), passou 7 anos votando em todos os desmandos da dupla que destruiu o Rio de Janeiro, compactuava alegremente da função de encobertar licitações suspeitas, foi contra a abertura de CPI e averiguações de corrupção supostamente cometidas por seu líder político Sérgio Cabral (PDT) .

Janio Mendes 2

O deputado estadual Janío Mendes (PDT) também já teve o nome citado durante a operação da Polícia Federal denominada de Calicute, o nome de Janío aparecia em listagem ao lado de um elevado valor em dinheiro, na casa de Bezerra, que segundo a Justiça era o operador de corrupção do ex-governador Sérgio Cabral (PMDB). Mas apesar de tantos desgastes e de perda considerável de seu grupo político Janío é de fato pré-candidato. Esse fato pode ser relembrado clicando AQUI.

Rafael Peçanha

Já há quem afirme na cidade que os desgastes de Janío Mendes (PDT) são tão grande, e que podem ainda piorar mais com novas delações e operações, que já se fala em retirar Janío do cenário político e lançar Rafael Peçanha (PDT) como candidato a deputado estadual. Mas por enquanto é só especulação, já que judicialmente nada pesa contra Janío, somente suas votações impopulares é que de fato podem gerar impedimento por raiva do eleitor.

Aquiles Barreto

Outro pré-candidato declarado a deputado estadual é Aquiles Barreto (SD), atual presidente da Câmara de Vereadores de Cabo Frio, apesar da presidência tumultuada e envolvida em muitos atos suspeitos, além do desgaste político em sua base que sofre com muitas debandadas e pessoas o chamando de "sem palavra". Aquiles segue afirmando sua pré-candidatura.

Jefferson Vidal

O vereador Jefferson Vidal (PSC) que foi cabo eleitoral de Aquiles Barreto (SD) na eleição de 2014, e articulador da ascensão de Aquiles a presidência da Câmara ano passado (2016) é uma das baixas de Aquiles. Jefferson já fala abertamente em sua candidatura a deputado estadual e não vislumbra voltar a apoiar Aquiles.

Cláudio Leitão

O PSOL como sempre deve ter candidatura própria na cidade, Cláudio Leitão é o nome mais cotado dentro do partido, vale lembrar que Cláudio Leitão não aceitou concorrer em 2014, mas foi candidato a prefeito em 2016.

Felipe Monteiro

O líder estudantil Felipe Monteiro (PCdoB), que foi candidato a vereador em 2016 obtendo 407 votos, é pré-candidato a deputado estadual pela legenda. Felipe foi o vereador mais votado do partido na cidade.

Nanicos

Existe a possibilidade de candidaturas nanicas se concretizarem na cidade, o ainda presidente do PEN de Cabo Frio, Léo Capone, que foi candidato a vereador em 2016 com 90 votos, é um dos que pode compor a lista de candidatos nanicos.

Nanicos 2

Outro candidato nanico que pode surgir é Alfredo Gonçalves (PV), o quase ex-político guiou o PV a uma campanha fracassada em 2016 onde não elegeu nenhum vereador, faz parte da massa falida do minguado grupo político do ex-prefeito e ex-político Alair Corrêa (PP).

Alair Corrêa

O ex-prefeito e já na qualificação de ex-político, Alair Corrêa (PP), fez um "culto político" em seu escritório com o objetivo de renascer na política, mas teve baixíssima adesão, alguns sobreviventes do minguado grupo político falam em candidatura a deputado estadual. O mais provável é que o ex-político negocie apoio a algum candidato de fora da cidade.

Federal


Amanhã falaremos de nomes que podem ser candidato a deputado federal, mas em alguns casos namoram possibilidade de deputado estadual. Não perca amanhã!

UBER está liberado em Cabo Frio a partir de hoje


O aplicativo UBER que é uma prestadora de serviços eletrônicos na área do transporte privado urbano está com seus carros autorizados a circular na cidade de Cabo Frio.

A liberação está em caráter provisório já que foi conseguido através de uma liminar emitida pela 2ª Vara Cívil da cidade pela Juíza Sheila Draxler Pereira de Souza. A decisão foi emitida na última quinta-feira (18/05), já foi publicada e está valendo a partir dessa segunda-feira (22/05).

A Prefeitura de Cabo Frio afirmou através de sua assessoria que vai obedecer a decisão judicial, em resumo os Guardas Municipais não podem mais prender carros filiados ao UBER por transporte ilegal.


Se você prefere usar o UBER ao invés do táxi convencional já pode comemorar! 

Cadelinha idosa desaparecida em Arraial do Cabo


Uma cadelinha idosa (7 anos) da raça poodle, de cor preta , desapareceu nesse sábado (20/05) no bairro Prainha em Arraial do Cabo.

Devido a idade já avançada a cadelinha toma remédios controlados e precisa de atenção e  cuidados especiais!


A família está desesperada por notícias, se você viu a cadelinha ou está em posse dela  por favor entre em contato com a família através do telefone (22) 99924-6884.

Informação atualizada sobre mandato de presidência da APAE Cabo Frio


Essa semana noticiamos as condenações criminais de empresários e pessoas ilustres da cidade de Cabo Frio envolvidos em atos de corrupção, lavagem de dinheiro e outros crimes, a matéria "Hugo da Boi Bom e Nilza da APAE são Condenados a Prisão por Corrupção e Outros Crimes" do dia (18/05)  pode ser acessada clicando AQUI.

Já na sexta-feira (19/05) na coluna "Bastidores da Política e da Imprensa" demos a seguinte nota:

APAE

Condenada no mesmo processo de Hugo da Boi Bom está a presidente da APAE de Cabo Frio e ex-esposa de Hugo, Maria Nilza Miquelotti, que foi condenada há 1 ano e 6 meses de cadeia por corrupção e outros crimes.

Site da APAE

A informação de que a réu condenada Maria Nilza Miquelotti segue a frente da APAE é do próprio site da APAE conforme print postado acima e pode ser conferido diretamente na página da APAE clicando AQUI.

No entanto fomos surpreendidos com a ligação da Sra. Kely Soares informando que está na presidência da APAE desde 2014, e que alguma falha deve ter ocorrido para desatualização do site, a Sra. Kely nos informou que de fato a Sra. Maria Nilza Miquelotti segue como membro da APAE e ocupa cargo como membro do Conselho Fiscal.

Sra. Kely Soares

Aproveitamos o contato da atual presidente Sra. Kely para indagar se após condenação de Maria Nilza Miquelotti a mesma seguiria ocupando cargo de direção na APAE de Cabo Frio, a atual presidente nos respondeu que encaminhará o caso ao setor jurídico da APAE para apreciação se há algum impedimento jurídico na permanência de Maria Nilza na função que ocupa atualmente.

"Por Aí" com Ana Paula Domarco. Edição: Aniversário do Dom


A vida passa num piscar de olhos!

Parece que foi ontem que o meu tão sonhado desejo de ser tia foi finalmente realizado.

Você chegou trazendo alegria e agitou a casa de uma tal maneira que o silêncio passou a incomodar.

O sentimento de ser tia é inexplicável, um misto de emoções, algo tipo ser mãe, protetora, educadora, enfim, sabemos que este presente não é seu, mas a sensação de cuidar é como se fosse!!!


DOM - você nasceu com título de realeza, é uma dádiva - um presente de Deus, que chegou para alegrar e modificar a vida de seus pais e a todos que o cercam.

Que você continue a irradiar essa boa energia por onde passar através do olhar penetrante e do sorriso encantador.

Parabéns meu pequeno grande príncipe!!

Que este seja o primeiro de muitos anos que irei aprender com você a amar incondicionalmente!!


E eu, compartilhando um pouco da minha emoção, sigo Por Aí...

sábado, 20 de maio de 2017

Jesus se voltasse seria Cristão? Por Álex Garcia


Após uma sequência de debates teológicos com amigos, e em rede social, me suscitou a ideia de que "Jesus se voltasse seria Cristão?" como seria o impacto de Jesus ao ver as religiões cristãs espalhadas pelo mundo e o que acharia das igrejas pentecostais no Brasil, e o que ele acharia dos líderes religiosos que temos, como ele enxergaria a Igreja Católica Apostólica Romana e sua atuação durante os últimos dois mil anos, e os estupros coletivos de crianças dentro de muros que em tese representam a casa dele.

Quando olhamos a vida e obra do mestre Jesus temos o encantamento de ver o maior e mais puro ensinamento sobre amor, humildade, caráter, solidariedade, caridade e perdão, que o mundo ocidental conheceu, e o resultado final do ensinamento desse mestre foi ser humilhado, dilacerado e pregado em uma cruz, para morrer da forma mais cruel e vil possível.

Mas será que a maior humilhação e sofrimento que Jesus sofreu como ser humano foi ter sido crucificado? Na minha visão não foi! Ter sido crucificado pelos líderes religiosos da sua época foi sem dúvida um enxovalho não merecido, mas ter sido, posteriormente, adotado como Patrono do Cristianismo foi a maior e mais absurda humilhação que submetemos o mestre Jesus e seus belíssimos ensinamentos.

Quem conhece um pouco, mas só um pouco, dos ensinamentos originais de Jesus, principalmente os que estão no Evangelho de Nag Hammadi ( textos gnósticos do Cristianismo Primitivo) sabe que Jesus não tem nada a ver com o Cristianismo imundo que vem perniciosamente assolando a humanidade há pelo menos 1.700 anos.

Imagine se Jesus voltasse e fosse estudar os últimos dois mil anos da nossa história, ao constatar os milhões de mortos sacrificados em seu nome, para impor a doutrina cristã; os milhões de índios que foram assassinados por não aceitar o domínio do deus cristão, fora Judeus, Ciganos, Árabes e tantas outras vítimas do Cristianismo.

Imagine o sofrimento do mestre Jesus ao ver as atrocidades praticadas na Santa Inquisição contra pessoas inocentes, sendo submetidas a barbaridades inimagináveis; imagine ele vendo as  Cruzadas sob o comando da Igreja Católica, onde atrocidades e matanças indiscriminadas foram cometidas contra todos os não-cristãos que se recusassem a se converter ao Cristianismo, como o massacre de Jerusalém onde mais de 40 mil pessoas foram trucidadas inclusive, doentes, crianças, bebês e pessoas muito idosas.

Imagine Jesus tomando conhecimento da parceria feita entre os cristãos e o Império Romano, onde Roma ficou com a função de perseguir e matar as pessoas com seu exército e o Cristianismo com as ameaças do castigo de deus no outro mundo. Essa parceria frutificou e o Cristianismo se tornou a maior e mais temida religião do mundo.

Essa parceria produziu mais uma "blasfêmia" contra Jesus que foi o Concílio de Nícea que produziu o livro que hoje você conhece como “Bíblia”. Para esse trabalho foram reunidos mais de 300 livros sobre espiritualidade existentes na época, e os livros que eles não gostaram acabaram queimados em fogueiras santas. Daí surgiu a “Bíblia” que muitos infelizmente acreditam ser a palavra de deus, sem ao menos saber sua origem e como foi elaborada.

Imagina Jesus ao saber que esse livro "Bíblia" com todas as suas aberrações e atrocidades foi creditado a ele, que em tese foi  o Supremo Criador deste Universo, com seus trilhões de galáxias infinitas, e com belezas igualmente infinitas e inimagináveis. Mas que tristeza teria Jesus ao contatar que esse livrinho sujo está em nome de "deus", provavelmente ele iria preferir que fosse creditado a ele o livro "O Universo Em Uma Casca de Noz" do Stephen Hawking.

O "temor" , ameaças do "inferno eterno", é e sempre foi a moeda mais importante do Cristianismo, a parceria com um ser chamado Demônio e com um deus que vaga pelo céu entre as nuvens com um porrete nas mãos, distribuindo castigo, sofrimento e dor a quem comete "pecado", foi a gasolina que fez do Cristianismo essa religião tão popular. Imagina a tristeza de Jesus pensando "mas onde está o amor?".

Mas o cristianismo, mesmo sem amor, e sem referência nenhuma ao Jesus histórico, vai muito bem, obrigado! Hoje o cristianismo é a instituição mais rica do mundo e pode se dar ao luxo de ter igrejas e templos banhados a ouro, artes e granitos. Porém, quanto ao acúmulo de riqueza, parece que estão ainda no começo, pois os chamados evangélicos brasileiros, imbuídos de muita criatividade, e com uma anomalia chamada de "teologia da prosperidade" estão deixando os católicos de cabelo em pé, ninguém supera os "Bispos e Bispas" que proliferam como uma erva daninha em nosso país. 

Jesus que nos parece ter sido uma pessoa pura, ou quase pura, no seu libido humano, talvez tenha se casado, talvez não! Mas sem dúvida com uma vida muito discreta nesse sentido. Agora imagine o nosso mestre Jesus ao se deparar com a notícia que na Argentina uma freira escolhia menininhas surdas de 4 à 10 anos para serem estupradas em rodízio por padres e bispos, e isso por décadas seguidas, imagine Jesus conhecendo cada caso (e são milhares de casos) de padres, bispos e até freiras estupradores de criancinhas, a quem ele havia destinado o reino de seu pai. Imagino o pranto incontrolável que Jesus teria ao ler essa página obscura do Cristianismo.

Não consigo imaginar sofrimento maior que Jesus poderia ter ao retornar e se deparar com essa triste e sombria realidade do que é o Cristianismo, nenhuma nova crucificação seria tão sofrida e humilhante como ser Patrono dessa aberração monstruosa.

Por isso acredito ser obrigação de todos os meus amigos agnósticos, ateus, e sem crenças a defesa do Jesus histórico, da filosofia do amor, da caridade. Pois Jesus  é a maior vítima do Cristianismo,  logo ele tão humano como os ateus de hoje em dia. Ele amou as pessoas como os ateus de hoje amam. Ele pregava a libertação das pessoas do jugo dos sacerdotes de sua época, como os ateus de hoje pregam a libertação dos sacerdotes atuais.

Portanto, sugiro que a partir de hoje, já, agora e aqui, JESUS seja eleito o Patrono dos Ateus, Agnósticos e Sem Religião, e não será preciso criar nenhuma igreja para isso, pois isto poderia ser uma tentação para cobrar o amaldiçoado dízimo.

Álex Garcia é mercadólogo e comunicador, além de um apreciador amador de ciência das religiões.

- |