Fale com Dr. Taylor

Fale com Dr. Taylor

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

Cabo Frio voltando a sorrir




Estamos preparando Cabo Frio para o pós-petróleo” diz prefeito Alair Corrêa.

Obras de infraestrutura são projetadas para incentivar a indústria do turismo como forma de compensar a diminuição dos royalties

- Precisamos aproveitar e valorizar as belezas naturais que Deus nos deu com obras e projetos de qualidade. Os turistas, quando chegarem a Cabo Frio em dezembro, vão ficar maravilhados com a nova cidade-, disse.  

Por meio de maquetes eletrônicas, o prefeito apresentou dez projetos em obras que passam por recuperação das principais vias de acesso como Av. Joaquim Nogueira, Av. Teixeira e Souza, Orla da Praia do Forte, trecho do Malibú, ponto central da Praia do Forte. Todas as obras, segundo o prefeito, serão entregues na primeira quinzena de novembro, mês de aniversário da cidade. Entre os projetos, a nova estrada de acesso ao aeroporto internacional que vai encurtar a distancia até o centro da cidade.
Além de obras para valorizar o turismo, o prefeito explicou que também está revitalizando pontos estratégicos como o novo Túnel do Artesão, antigo corredor Cultural que será ampliado e vai se tornar mais um ponto de atração turística valorizando artistas locais.

As Obras:

Av. Joaquim Nogueira - O novo projeto para reurbanização e adequação da Avenida Joaquim Nogueira prevê otimização dos espaços, projeto paisagístico, estacionamentos tipo espinha de peixe e ciclovias. A avenida vai ganhar também canteiro central, calçadas redimensionadas, realocação de postes para iluminação pública, demarcação de faixas para pedestres, acessibilidade para deficientes físicos, novos acessos para as ruas adjacentes e imóveis particulares com sinalização adequada. As calçadas terão nova programação visual. Área de intervenção de aproximadamente 50 mil mts2

Estrada do Aeroporto - A nova pista vai encurtar o caminho do Aeroporto Internacional ao Centro de Cabo Frio. Em apenas 15 minutos será possível ir do terminal ao centro. São 2 quilômetros de extensão com pista com 7 mts de largura mais 1,5mt de acostamento de cada lado. Ciclovia e projeto paisagístico valorizando a vegetação nativa.  Iluminação padrão similar as grandes rodovias e sinalização turística seguindo padrões internacionais. Investimento de R$ 1.350.000,00 –(Um milhão trezentos e cinquenta mil reais)

Praça dos Quiosques na Orla da Praia do Forte  (Que será construído em cima da antiga praça do Turismo) - A grande modificação na Orla da Praia do Forte é a construção de um platô com cerca de 1,5mt  da altura da pista atual. Com isso, o platô fica na mesma linha do mar e vai permitir que em qualquer ponto dos 5 módulos que abrigam os 15 quiosques, a vista das belezas naturais seja a mesma. Cada quiosque será construído em concreto que sustenta um jardim suspenso, o telhado verde totalmente dentro do conceito de sustentabilidade.  Cada grupo de três quiosques tem espaço para 22 mesas com 88 pessoas sentadas em cada quiosque.  No espaço, elevador para cadeirantes e espreguiçadeiras. No subsolo, banheiros público masculino e feminino. Vestiários para atender aos funcionários dos 3 quiosques. Cozinha com cerca de 38 m2, independentes com área de higienização.

Praça das Águas  - Com espaço bem maior a nova Praça das Águas terá dois espaços destinados para abrigar peixes ornamentais. Na área central, a água se manterá limpa como piscina com tratamento adequado e projeto paisagístico em sintonia com o jogo de iluminação assinada pelo mestre alemão Peter Gasper, um dos pioneiros do lighting design brasileiro. A iluminação do Cristo Redentor e Rock In Rio.

Malibú   Praia do Forte - O projeto da Nova Orla do Malibú terá coberturas de formas onduladas representando o movimento das ondas da Praia do Forte.  No projeto 22 arcos sairão de um lado da calçada, cruzarão as pistas e se apoiarão no passeio do outro lado.  Um conjunto de arcos com 8,5 mts de altura se ligam formando em cada cruzamento um “pórtico”  coberto com vidros. Em perspectiva os arcos e pórticos formarão um grande túnel na extensão das duas quadras em  frente ao Malibú.  A interferência do novo conjunto de obras também prevê a substituição dos letreiros dos comércios, pavimentação das calçadas em laminados elastoplástico. A ciclovia ficará mais destacada do asfalto e as vagas de estacionamento serão deslocadas para outras ruas.  Total área de intervenção em aproximadamente 1.000 m2.

Túnel do Artesão   (Antigo Corredor Cultural) - Situado na Rua 13 de Novembro na Praia do Forte, o TÙNEL DO ARTESÂO (Antigo Corredor Cultural) será inaugurado com 72 lojas de artistas/artesãos e alimentação. Quatro com comidas típicas. O novo projeto ampliou em 7 mts a largura do espaço e cada loja de artes terá 6,64m2. Cada loja de alimentação terá 8,60m2 e balcão de serviços e uma área de 191,50m2 destinadas a mesas e cadeiras. O TÚNEL DO ARTESÃO  terá um palco na praça de alimentação com 11,17 m2 com altura de cerca de 30cm do piso o que permite melhor visão da área. Área de intervenção de aproximadamente 1.970,oo m2. 

Baixo Cabo Frio – (Bar Costela esquina do Santa Helena) - Tradicional local será remodelado com nova programação visual e instalações de equipamentos urbanos.  Vai fortalecer o comércio da área e dar um salto de qualidade no ambiente que dá acesso ao centro e a Praia do Forte.

Praça do Skate - Será construído nas imediações de onde funciona o Quiosque Bambú.  O novo Skate park será maior do que o anterior construído na Praça do Turismo. Orientado  por Frederico Cheuiche que é arquiteto e urbanista e skatista campeão. Pelo projeto a área construída será em torno de 1.385m2, incluindo bowl (3300m2), street (1020m2), mini-ramp (45m) acessos com 20m2.   O nível mais baixo da área do street fica a 60cm abaixo do nível da rua e plataforma mais elevada está colocada 90cm acima do nível da calçada. 

Av. Teixeira e Souza  (Projeto 01) - A reurbanização e adequação da Avenida Teixeira e Souza prevê obras no trecho entre a Rua Maestro Brás Guimarães até a Rua João Pessoa. O novo desenho inclui a viabilização e ampliação da largura da avenida visando melhor fluxo dos veículos ao centro de Cabo Frio.

No projeto a otimização de espaços, redimensionamento das calçadas, realocação de postes de iluminação pública, demarcação de faixas de pedestres, rampas de acessibilidade. Nova paginação visual das calçadas. Área de intervenção em torno de 14 mil m2. Áreas a demolir e a desapropriar aproximadamente em 1.800 m2.

Av. Teixeira e Souza  (Projeto 02) - Reurbanização no trecho entre a rua João Pessoa até a Casemiro de Abreu.Viabilização e ampliação da largura da Avenida Teixeira e Souza com melhor fluxo de veículos ao centro da cidade.  No projeto a otimização de espaços, redimensionamento das calçadas, realocação de postes de iluminação pública, demarcação de faixas de pedestres, rampas de acessibilidade. Nova paginação visual das calçadas. Área de intervenção em torno de 4 mil m2. Áreas a demolir e a desapropriar aproximadamente em 2.300 m2.

Nova Rodoviária no bairro Célula Matter - O projeto do Terminal rodoviário intermunicipal prevê dois pavimentos, escada rolante e rampas de acesso.  No local, posto médico, sanitários femininos e masculinos, acesso para deficientes físicos.  Na parte comercial 30 lojas, lanchonetes e restaurantes. Vagas de estacionamento para 10(dez) ônibus intermunicipais, estacionamento e parada para ônibus regionais, área de embarque e desembarque de passageiro. Setor administrativo, guichês para venda de passagens da empresas de viação. Sessenta (60) vagas de estacionamento para veículos de visitantes. Área de intervenção – Aproximadamente 23 mil m2. 

Texto e foto: SECOM de Cabo Frio

0 comentários:

- |