Leal Porto

Leal Porto

RESTAURANTE DA PONTE

RESTAURANTE DA PONTE
"O lugar certo de comer peixe" - Em cima do Mercado Municipal do Peixe (22) 2647-5341

quinta-feira, 1 de agosto de 2013

Coluna da Menina de Ouro, Vânia Carvalho




Deus nunca esteve tão em alta!

Milhões de peregrinos do mundo todo se concentraram em várias cidadezinhas do interior do estado do RJ, a fim de conhecerem nossa cultura e é claro fortalecer os alicerces da ICAR. 

E para consolidar tal evento ninguém melhor que o próprio papa para se empenhar como homem de fé e representante de Deus na terra, pelo menos segundo os católicos e trazer as bênçãos ao nosso país, que sempre foi de maioria católica, porém começava a perder terreno para os cristãos evangélicos.

Travar luta com Silas Malafaia, RR Soares e Bispo Macedo, não é para qualquer um, então se padre Marcelo e padre Fábio de Mello só conseguiram arrancar suspiros das devotas ao invés de trazer fiéis  para as igrejas, nada melhor do que  o  próprio papa para criar o marketing perfeito  e reforçar os votos de fidelidade a Jesus Cristo, segundo a  toda poderosa.

Engraçado que essa disputa pela patente cristã, acaba envolvendo essas religiões no mundo do espetáculo. O papa já é pop e Marcos Feliciano já virou superstar, pois nunca vi um evangélico ser tão "estrelinha".

Eu como espírita, que nunca vi tanta gastança, tanto sensacionalismo e tanta mega operação encima do Chico Xavier, fico me perguntando se Deus precisa de tanta parafernália midiática, apenas para que o ser humano entenda uma simples mensagem: Amai vos uns aos outros!

E pegando carona numa ideia genial de meu amigo Chicão, que em tom de brincadeira está exigindo a Expo Macumba rsrsrs, me sinto forçada a concordar que seria uma festa e tanto, já que poderíamos trazer como atrações especiais  Renato Russo, Cazuza e Raul Seixas era só tocar tambor que com certeza ia baixar todo eles no terreiro rsrsrs

Bom, como cada um tem sua fé e eu continuo achando que  só nós somos responsáveis por tudo aquilo que nos acomete, deixo aqui uma mensagem de Chico, que para mim está muito mais próximo de Jesus, pelo menos como condicionou sua  vida na terra.

“O Cristo não pediu muita coisa, não exigiu que as pessoas escalassem o Everest ou fizessem grandes sacrifícios. Ele só pediu que nos amássemos uns aos outros”.

0 comentários:

- |