Leal Porto

Leal Porto

RESTAURANTE DA PONTE

RESTAURANTE DA PONTE
"O lugar certo de comer peixe" - Em cima do Mercado Municipal do Peixe (22) 2647-5341

quarta-feira, 19 de março de 2014

Cartão Vermelho Jovem. Com Carlos Matheus



 

A Nova Ditadura. Parte II

Para conferir a primeira parte da crônica “A Nova Ditadura” basta clicar AQUI.

O Brasil tem a mídia televisiva comprada pelo governo federal, impedindo que sejam divulgadas notícias que prejudiquem o plano de poder do PT. Mas a mídia não é só comprada com dinheiro, ela também é comprada pelo fato dela ser concessão pública, ou seja, o governo é quem decide se a emissora vai ao ar, podendo tirá-la a hora que quiser, já que o PT domina o judiciário e o legislativo (congresso). Dessa forma, não teria nenhum dono de emissora que ousaria enfrentar o governo PeTralha. Mas o SBT não aceitou isso, decidindo contratar, em 2011, a jornalista Rachel Sheherazade, que não tem medo do PT e de sua militância de esquerdopatas idiotas úteis, e diz a verdade que o povo não tem condições de dizer. Mas o PT e os bandos de esquerdopatas não poderiam aceitar isso. Quando ela disse que era compreensível a população ter passado dos limites com um marginal, agredindo e amarrando o referido bandido em um poste.

Mas não é compreensível? O Brasil é o oitavo país mais violento do mundo, sendo que os esquerdistas, incluindo o PT, estão fazendo de tudo para piorar, pois a redução da maioridade penal foi negada pelos senadores do PT, a população está perdendo o direito de se defender, sem contar que é provada a ligação do PT com as FARC.

Aproveitando-se desse comentário, o PT/PCdoB se juntou ao PSOL para censurar opiniões de direita. O PSOL foi o primeiro a entrar com processo contra a Rachel Sheherazade por apologia à violência. Acompanhando eles, o PCdoB (complemento do PT) sob o comando da deputada Jandira Feghali entrou com uma procuração no ministério público para que a Rachel seja condenada e o SBT perca a verba de publicidade e perca, também, a concessão de sua programação. Para considerar que ela fez apologia ao crime, só existem duas opções para esses esquerdistas: São muito burros, que não conseguiram interpretar o que ela disse, pois entender o significado de “compreensível”, é realmente muito difícil. Ou esses pseudos-bostas são uns canalhas, hipócritas e safados que não aceitam opiniões que põem em risco a hegemonia esquerdopata, fazendo de tudo para silenciar quem dela discorda. Cadê a liberdade de expressão que esses canalhas defendiam no tempo dos governos militares?

Um dos poucos meios de comunicação em que, ainda, os cidadãos são livres para se manifestarem contra o governo, a internet, está com seus dias contados para deixar de ser livre. Depois das manifestações de junho de 2013, o governo do PT colocou em regime de urgência para ser aprovado, o Marco Civil da Internet, que visa censurar a internet para defender a “neutralidade” da mesma, ou seja, eles vão monopolizar os pensamentos na internet, para que tenha unanimidade nos pensamentos, essa é a neutralidade de pensamento que o PT prega. O Marco Civil também, se aprovado, fará com que a velocidade da internet seja reduzida, a partir de certo horário. O Projeto também permitirá que qualquer funcionário federal administrativo, investigativo ou policial tenha acesso aos seus dados pessoais, sem a necessidade de um mandado judicial. Além de eles te censurarem, eles irão, também, invadir sua privacidade. Cadê os nossos direitos?

Apesar de tudo isso que foi escrito, olha que é só a ponta do iceberg, tem muita gente achando que o Brasil está às mil maravilhas, ora por falta de conhecimento do assunto, ora por estar ganhando algo do governo federal. Mas enfim, estamos em ano de eleição e temos o dever moral de refletir sobre tudo que o PT tem feito por debaixo dos panos. Lembrando que o Marco Civil não foi votado na semana passada, pois o PMDB tinha rachado com PT, mas agora eles já fizeram as pazes (R$,R$,R$). Para a tristeza da população, o Marco Civil será aprovado se não houver pressão popular para que o mesmo seja rejeitado. O Brasil está se tornando uma Venezuela, onde o Poder Executivo manda no judiciário e no legislativo. O Brasil não aguenta mais quatro anos de PT. O Brasil não agüenta mais quatro anos de esquerda.

0 comentários:

- |