Leal Porto

Leal Porto

RESTAURANTE DA PONTE

RESTAURANTE DA PONTE
"O lugar certo de comer peixe" - Em cima do Mercado Municipal do Peixe (22) 2647-5341

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

2016 e as aventuras da oposição (Bastidores da Política e da Imprensa)


Rafael Peçanha

Rafael Peçanha(PDT) segue a todo vapor em sua candidatura a vereador em 2016, já inclusive reeditou para si o slogan "a cidade que queremos", o problema é quantos votos um discurso eleitoreiro e oportunista podem gerar, pobre menino rico!

Carlos Victor

Seguindo a linha vou com tudo em 2016, o todo ex-poderoso Carlos Victor (PSB) é candidatíssimo a vereador, o moço que sempre sonhou em ser político agora tenta uma humilde vaguinha na Câmara de Vereadores.

Filha

Seguindo a mesma linha, de tentar eleger alguém, o PDT ainda virá com a filha do suplente de deputado estadual e sem mandato, Janio Mendes (PDT), no quadro eleitoral como candidata a vereadora.

PMDB

Já o suplente de deputado federal (que deve exercer mandato), Marcos Mendes (PMDB), já anunciou que irá "cagar e andar" para a Câmara Federal e vem candidato a prefeito em 2016, o objetivo é tentar uns votinhos de legenda e montar uma nominata que ajude a eleger vereador.

Aquiles Barreto

Já o jovem vereador, Aquiles Barreto (SD), pode voltar para seu partido de origem PSB para engrossar as fileiras do PSB e tentar puxar Carlos Victor que sozinho pode não se eleger, ou ainda, caso dessa vez Carlos Victor decole em pesquisa, Aquiles seria vice de Marcos Mendes (PMDB).

Objetivo

O objetivo de tantas candidaturas insólitas a vereador é tentar maioria na casa legislativa em 2016, o objetivo é Rafael Peçanha (PDT) e a filha do Janio Mendes (PDT) puxarem 3 vereadores eleitos no PDT, já Aquiles Barreto (PSB) e Carlos Victor (PSB) puxarem 3 vereadores eleitos no PSB, já o PMDB na esperança que haja legenda e mais uma nominata meia bomba também puxe 3 vereadores eleitos no PMDB, assim a coligação dos Mendes teriam 9 vereadores de 17.

Objetivo 2

Como a cúpula dos Mendes sabe que na eleição de 2016 é praticamente impossível que Marcos Mendes (PMDB) se eleja prefeito o objetivo principal passou a ser eleger maioria na Câmara de Vereadores para inviabilizar o segundo mandato do Prefeito Alair Corrêa.

Objetivo 3

Claro que para os candangos de 2016, aqueles candidatos pequenos e os ASPONES, ele mentirão que vão ganhar a eleição (como fizeram em 2012), e para o povo colocaram todo o cinismo que farão tudo que não fizeram em 8 anos. Seria engraçado, se não fosse trágico!

Anotem


Fazer previsão de diferença de votos faltando 2 anos para uma eleição é quase que a mesma coisa que acertar na mega, mas o desenho desse cenário político de 2016 em Cabo Frio é tão óbvio, que faço questão de usar a minha credibilidade no assunto para afirmar: Alair Corrêa (PP) vence qualquer Mendes na eleição de 2016 com 30 mil votos de diferença (no mínimo), anotem aí e me cobrem no futuro.

0 comentários:

- |