Leal Porto

Leal Porto

RESTAURANTE DA PONTE

RESTAURANTE DA PONTE
"O lugar certo de comer peixe" - Em cima do Mercado Municipal do Peixe (22) 2647-5341

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Coluna da Menina de Ouro, Vânia Carvalho


O saquinho de pipoca

O pipoqueiro animado com a festa em homenagem a posse do agora deputado MM que ocorreu no Clube Tamoio, tratou logo de comprar 10 quilos de milho  e disse pra mulher que voltaria rico. Diante de tantos comentários que rolaram na net, diante das inúmeras entrevistas em jornais, rádios e TV que ele deu, o pipoqueiro achou que MM levaria uma legião de pessoas para a festa de posse e, que a fila da pipoca dobraria a esquina da Av. Nilo Peçanha, lá na altura da praia.

Saiu o pipoqueiro então feliz da vida, prometendo mundos e fundos pra família. Passeio no shopping, com direito a MacDonald pra filha caçula, cabeleireiro pra esposa com direito a 1 dia de beleza, iphone 6 pro filho adolescente e  toda a coletânea de DVDs do Luã Santana originais pra filha do meio.

A festa nem tinha começado, mas o pipoqueiro animado já estava lá em frente ao portão esperando a enorme quantidade de amigos, cabos eleitorais, autoridades e puxa-sacos de toda espécie para a festa com direito a boca livre. Porém o tempo foi passando, pessoas iam chegando discretamente e o pipoqueiro continuava com pipoca em seu carrinho  até o teto.

Foi aí que ele pensou:

- Não! Isso é porque MM ainda não chegou! Aposto que vem com ele, muitos ônibus,  uma carreata inteira vinda do Distrito de Tamoios, caminhadas com centenas de possíveis eleitores, vai ter gente saindo pelo ladrão desse clube e eu vou vender pipoca até pra cachorro. rsrsr

Daí que ouviu-se os fogos! MM chegou! Este, nem olhou pra cara do pipoqueiro, que meio acabrunhado já não sabia o que iria fazer com tanto milho de pipoca.

Depois de uma noite inteira em pé na frente do clube eis que ele ouve uma voz: - Moço! Me da uma pipoca de 2 reais.

- Ufa! Pensou o pipoqueiro, pelo menos vou vender 1 saco de pipoca! Eita festa vazia! Vai querer de qual sabor?

- Doce!

- Epa! Peraí! Eu to te reconhecendo, mais o senhor é o prefeito Alair Correa!  Está fazendo o que aqui na festa de MM?

- Eu não vim pra festa, eu vim por sua causa! Por minha causa, mas porque prefeito?


- Porque eu sabia que nessa festa não ia dar ninguém, e eu não podia deixar um trabalhador de bem voltar pra casa, sem o pão de cada dia.

0 comentários:

- |