Leal Porto

Leal Porto

RESTAURANTE DA PONTE

RESTAURANTE DA PONTE
"O lugar certo de comer peixe" - Em cima do Mercado Municipal do Peixe (22) 2647-5341

segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Politicando Eleições 2016 - Dr. Adriano


Como prometido iniciamos hoje (05/10) as avaliações dos pré-candidatos a prefeito na cidade de Cabo Frio, nessas avaliações analisamos uma série de fatores que vão influenciar a capacidade do pré-candidato a ser tornar de fato candidato, e quais chances reais de atingir uma vitória em 2016 e se tornar prefeito 2017/2020.

Os pré-candidatos a prefeito em Cabo Frio são: Dr. Adriano (REDE), Alair Corrêa (PP),  Cláudio Leitão (PSOL), Dirlei Pereira (DEM), Janío Mendes (PDT), Marquinho Mendes (PMDB), Dr. Paulo César (PSDB), Silas Bento (PSDB) e Valdemir Mendes (PTB)

Politicando Eleições 2016 – Dr. Adriano (REDE)


História política: Isso é algo que praticamente não existe na carreira do Dr. Andriano, veio candidato a vereador pela primeira vez em 2012  e com 1.859 votos conseguiu ser o último vereador eleito pela coligação (PP/PSDB) ficando com a 4ª vaga (última vaga).

Carisma: Dr. Adriano não é exatamente carismático, mas passa ar de "bom moço" e "confiável", tem as características que levam o cidadão a crer que estão a frente de um político "honesto", mas carisma realmente não é uma atribuição plena deste pré-candidato.

Capacidade financeira ou de arrecadar patrocínio de campanha: A eleição de 2016 não será uma campanha fácil para arrecadar dinheiro, todos os escândalos envolvendo empreiteiras que financiaram as campanhas do PT e a prisão de vários empresários, vai assustar muito o investidor de campanha.

Para piorar a situação política e financeira do Dr. Adriano ele é um feto na política, nem nasceu ainda como político e não tem a menor ideia do que seja uma campanha eleitoral majoritária.

Legenda (garantia que o partido não vai se vender e deixar o candidato sem partido para disputar a eleição de 2016): A REDE é um partido novo, precisa se firmar lançando o maior número de candidaturas possíveis, portanto Dr. Adriano está seguro no partido, só não vem candidato se não quiser.

Capacidade de ter votos para ganhar a eleição: Como disse antes Dr. Adriano é um feto na política, não sabe o que é uma campanha, sua candidatura terá boa votação, pois se lançará como a terceira via na cidade, e vai ocupar um lugar ao sol após 2016, mas não tem estrutura ou envergadura para se eleger prefeito, mas a candidatura é o caminho certo a ser percorrido pelo jovem político.

Probabilidade de seguir com a pré-candidatura até a eleição: Basta Dr. Adriano querer e será candidato a prefeito, é preciso que não entre em desânimo ou depressão quando perceber que não sabe e não consegue organizar sua campanha e descubra que essa "brincadeira" é cara e exaustiva.


Conclusão: Dr. Adriano é um político sem passado (nem negativo ou positivo), deve usar a palavra "mudança" para dar "ar de terceira via" na cidade, tem partido e se quiser será de fato candidato, fará uma campanha de visibilidade, mas sem estrutura ou chance real de se eleger, se não desistir por desânimo ou venda de candidatura para ser vice de alguém terá boa votação e terá um lugar ao sol após a eleição de 2016. 

0 comentários:

- |