LEAL PORTO TELECOM

LEAL PORTO TELECOM

RESTAURANTE DA PONTE

RESTAURANTE DA PONTE
"O lugar certo de comer peixe" - Em cima do Mercado Municipal do Peixe (22) 2644-4080 // 99999-5998

sexta-feira, 29 de março de 2019

Desenvolvimento da Cidade avança na implantação do projeto de Cadastro Multifinalitário




A Secretaria de Planejamento de Cabo Frio avança em mais uma etapa na implantação do projeto de Cadastro Técnico Multifinalitário Georreferenciado (CTM/GEO). A pasta finalizou o Termo de Referência que permitirá a abertura do processo licitarório para escolha da  empresa que fará o levantamento das áreas da cidade, o geoprocessamento e o software a partir da melhor oferta de técnica e de preço. A implantação do CTM/GEO é baseada na portaria 511/2009 do extinto Ministério das Cidades, que atualmente se chama Ministério do Desenvolvimento Regional.

O próximo passo para a implantação do CTM/GEO é a proposta seguir para os trâmites licitatórios estabelecidos por lei. O objetivo do programa é integrar todos os setores do governo municipal para que a Prefeitura possa atuar de forma plena na gestão e no planejamento do município em todas as áreas de sua competência como saúde, educação, meio ambiente, trânsito, segurança entre outros.

Após a implantação do programa a previsão é de que o trabalho de mapeamento de toda a cidade seja concluído em 14 meses e a estimativa é de que este resultado esteja disponível em 90 dias após o início do uso do programa.

“Este é um passo muito importante para a gestão de Cabo Frio tanto hoje quanto para o futuro porque vai permitir que a cidade possa ser planejada, pensada e organizada em bases reais, ou seja, de acordo com o que o município tem. Nossa estimativa é gerar até 100 empregos diretos entre trainner, agentes de recenseamento, trabalhadores da área de engenharia e arquitetura, de meio ambiente e outros”, afirmou o prefeito Dr. Adriano Moreno.

O CTM/GEO é um conjunto de informações que vai permitir ao governo conhecer a realidade de todos os imóveis territoriais e prediais público ou privado em Cabo Frio tanto em nível geométrico, dimensões, superfície e localização como também quanto ao tipo de uso deste mesmo imóvel, se comercial ou residencial, além de possibilitar conhecer seus ocupantes.

O CTM/GEO é fundamentado em diversos mapas temáticos entre eles a estrutura fundiária, o uso do solo, declividade etc., os quais permitem que o município tenha visão clara do que há em cada propriedade, quantos andares, o que se pode produzir, opções de produção entre outras questões.

Atualmente, Cabo Frio possui aproximadamente 170 mil imóveis, entre uso industrial e residencial. A arrecadação municipal é de R$ 55 milhões e a expectativa é de dobrar o valor.

Como funciona o Cadastro Técnico

Em linhas gerais, para elaborar o CTM/GEO a empresa ganhadora da licitação fará o sobrevoo de toda a cidade para fazer imagens, que posteriormente serão feitas em “escala”; fotos das ruas em 360º para o censo, além de visitas in loco nos imóveis para fotos frontais, laterais e para identificar o tipo do imóvel ( se territorial, predial, público ou privado).



0 comentários:

- |