Pular para o conteúdo principal



Inclusão, superação e memória. Estas foram as palavras que marcaram a inauguração do Centro de Atendimento Pedagógico (Cenape) Professor Durval Silva, na manhã desta terça-feira (02), no bairro Jardim Esperança. Este foi o terceiro Cenape inaugurado pela Prefeitura de Cabo Frio. Os três centros estavam fechados desde 2016. Cada unidade tem capacidade para atender de 250 a 300 alunos por semana, mediante encaminhamento das escolas municipais. Com a inauguração, a Prefeitura de Cabo Frio dá início ao trabalho da educação especial no município, que amplia sua capacidade de atendimento para até 900 estudantes por semana.

A solenidade contou com a presença do prefeito Dr. Adriano Moreno, do vice-prefeito Felipe Monteiro, do Secretário de Educação Cláudio Leitão, da Secretária-Adjunta Denize Alvarenga, da diretora da unidade Patrícia Serieiro e da equipe que atuará no Cenape, além de familiares do professor Durval Silva.

O prefeito Dr. Adriano Moreno relatou aos presentes sua relação com o homenageado, Durval Silva, que foi seu professor de matemática, e a importância da inclusão para a educação infantil. “Hoje é um dia de muita felicidade para mim, não só como prefeito, mas como cidadão. Eu fui uma criança que contou com a luta muito grande da minha mãe pela minha educação. Consegui superar todos os obstáculos a partir da oportunidade que tive. É esta oportunidade de superação que queremos dar a nossas crianças. Para meu orgulho este Cenape leva o nome do Durval Silva, que foi meu professor de matemática em aula de reforço, aula esta que me fez aprender e superar este desafio. Sou um exemplo vivo disso”.

O prefeito também destacou o trabalho da Secretaria de Educação, e anunciou novos projetos que estão em estudo pela Prefeitura. “A Secretaria de Educação está dando exemplo, enfrentando todas as dificuldades e, ainda assim, oferecendo às nossas crianças a oportunidade de se incluírem, de terem condições de obter o melhor para sua educação e seu futuro. Nestes oito meses de governo inauguramos duas escolas em Tamoios para mais de 1.200 alunos. Inauguramos três Cenapes. Além disso estamos em tratativa com o Governo do Estado para inaugurar uma escola técnica em Tamoios em tempo integral para 1.200 alunos e fechando parceria com a Firjan (Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro) para transformar o Café do Trabalhador em uma escola técnica para os jovens. Nada disso acontece de uma hora para outra, são apenas alguns passos que estamos dando para colocar a cidade no caminho certo ”, concluiu.

O secretário de Educação, Cláudio Leitão, ressaltou a necessidade da atuação dos Cenapes e informou que a Secretaria de Educação está se aproximando da meta de zerar o déficit da educação infantil. “Queria reiterar o nosso compromisso com educação inclusiva. A educação é a mola mestra, transformadora de nossa sociedade. Só assim podemos construir um futuro melhor para nossa cidade. Democratizar o acesso a esse complemento pedagógico é um dos nossos maiores objetivos, que é o de dar maior oportunidade às crianças de Cabo Frio à educação, e ao apoio pedagógico complementar. Informamos que ampliamos de cerca de 30 mil para quase 35 mil vagas nas escolas do município e a expectativa é de que até o fim do mês iremos zerar o déficit da pré-escola. Aumentamos em 30% a vaga de creches e para 2020 nossa meta é de zerar este déficit. Estamos implementando um grande processo de reforma e reparos nas escolas, com algumas obras em curso e outras na fase de planilhamento e processo licitatório. Queremos oferecer para o profissional da educação cada vez mais conforto, melhorar as condições de trabalho e estrutura para desenvolver cada vez mais o acesso à educação no município”.

A Secretária-Adjunta, Denize Alvarenga, destacou o empenho da Secretaria de Educação em reabrir os Cenapes. “É o terceiro centro que entregamos à comunidade. É um espaço público que estava fechado, se deteriorando. Agora devolvemos ao bairro Jardim Esperança este centro, tão importante para permitir que nossas crianças possam ter na escola o aproveitamento que merecem, e para que as dificuldades de aprendizado sejam obstáculos menores para os alunos de Cabo Frio. Com respeito à história e a memória do professor Durval Silva, inauguramos este centro que atenderá ao Jardim Esperança e aos bairros adjacentes”.

A diretora do Cenape Durval Silva, Patricia Serieiro, destaca o desafio e a necessidade de acolhimento das crianças com dificuldade de aprendizado. “Recebi o convite da Educação e fui pega de surpresa com este grande desafio: o de reativar este centro de inclusão. Inclusão de todos: a minha, da comunidade escolar, da nossa equipe, de todos que merecem ser incluídos, para se sentirem parte da comunidade lá fora. Aqui acolhemos cada aluno. Já fizemos testes, encontros e estudos e formamos um grupo preparado e interessado em promover a inclusão de cada aluno, para estimular seu aprendizado e deixar este legado para o Jardim Esperança e os bairros próximos”.

Os centros vão oferecer atendimento especializado para alunos com transtornos funcionais específicos e/ou dificuldades acentuadas de aprendizagem, matriculados nas classes regulares do Ensino Fundamental, a partir do 1° ano de escolaridade e sem limite de idade. As unidades são coordenadas pela Superintendência de Gestão Pedagógica e Políticas Educacionais (Sugeppe), através do Departamento de Orientação Educacional da Secretaria Municipal de Educação.

Os Cenapes têm por objetivo oferecer aos alunos, na perspectiva da educação inclusiva, oportunidades para o exercício da cidadania, assim como para a preservação da dignidade humana, para a busca da identidade e participação efetiva na sociedade.
As unidades contam com novos equipamentos e profissionais de diferentes áreas de atuação, como fisioterapeutas, psicólogos, psicopedagogos, fonoaudiólogos, assistentes sociais e professores. A escola é responsável pelo encaminhamento do aluno para atendimento no centro. As atividades, desenvolvidas no contraturno escolar, auxiliam os alunos a avançarem no aprendizado, trazendo um melhor aproveitamento dos conteúdos ministrados em sala de aula. Também contribuem para uma melhoria da qualidade de vida, dentro e fora do contexto escolar.

O Cenape Durval Silva fica na Rua Durval Silva, s/nº, bairro Jardim Esperança.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

NOTA OFICIAL

A Prefeitura de São Pedro da Aldeia informa que, na manhã desta terça-feira (24/11), a Secretaria Municipal de Saúde recebeu agentes da Polícia Federal (PF) e Controladoria-Geral da União (CGU) para inspecionar documentos e solicitar informações sobre uma empresa específica, que era alvo de investigação. Com tranquilidade, todos os documentos solicitados, que já tinham sido encontrados pelos agentes no Portal da Transparência do município, foram novamente apresentados. A empresa inspecionada participou do Pregão Presencial n° 004/2020, de 28/02/2020, que contou com a participação de 19 empresas, das quais, 13 venceram. Uma das vencedoras é alvo dessa investigação, com ata de registro de preço firmada no valor de R$ 115.237,00 para entrega de medicamentos. A Prefeitura esclarece que, ao contrário do que tem sido veiculado, a operação tem como alvo a empresa licitante, como desdobramento de outra investigação dos órgãos na região Norte Fluminense, e que não há indícios de fraude na licit

COLUNA BANZO

 O ESTADISTA A de história de Cabo Frio  marcada por grandes embates políticos, desde os primórdios tempos Liras e Jagunços davam o tom beligerante que forjaria a história de nossa terra amada. Essa cultura pelo contraditório e pela polarização causaram eisentraves políticos etu atrasaram em muito o desenvolvimento de Cabo Frio, que foi salva pela sua vocação turística e pelos royalties do petróleo. Testemunhei no fim do século passado, mais precisamente no fim dos anos 90, inesquecíveis embates políticos-filosóficos entre os então vereadores Jânio de Mendes e Amaury Valério. Esses embates recebiam "a partes" dos saudosos Acyr Rocha e Ayrres Bessa, e eram testemunhados e por muitas vezes corroborados por Antônio Carlos Trindade e Silas Bento. O nível dos embates eram altíssimos e caminhávamos para a formação de "Estadistas", políticos que despontaríam Estadual e Nacionalmente, potencializando o nome de Cabo Frio. Infelizmente isto não se repetiu nas legislaturas sub

Lei Aldir Blanc

Nesta segunda-feira (30), no Espaço Cultural Zanine, começou a entrega dos documentos exigidos e de assinaturas para os artistas habilitados para Lei Aldir Blanc, conforme publicado no Boletim Oficial nº 1.140, dos dias 26 de novembro a 27 de novembro de 2020. Esta etapa acontecerá de segunda a quarta-feira das 9h às 16h. Os artistas que tiverem suas inscrições não habilitadas poderão apresentar o recurso na mesma data e local. Após a quarta-feira (02/12), o Grupo Gestor da Lei Aldir Blanc fará a análise dos documentos e sairá a homologação para o recebimento do recurso destinado ao Inciso 2 da Lei nº 14.017, mais conhecida como Lei Aldir Blanc. Esta lei prevê auxílio financeiro ao setor cultural. A iniciativa busca apoiar profissionais da área que sofreram com os impactos das medidas de distanciamento social por causa da COVID-19. A legislação ficou conhecida como Lei Aldir Blanc, em homenagem ao escritor e compósitos que morreu em maio, vitima do novo coronavírus.