LEAL PORTO TELECOM

LEAL PORTO TELECOM

RESTAURANTE DA PONTE

RESTAURANTE DA PONTE
"O lugar certo de comer peixe" - Em cima do Mercado Municipal do Peixe (22) 2644-4080 // 99999-5998

terça-feira, 16 de julho de 2019

FESTIVAL DO PEIXE É SUCESSO NA PRAIA DA BALEIA


A Praia da Baleia, em São Pedro da Aldeia, ficou movimentada no último final de semana com a realização do tradicional Festival do Peixe. O evento atraiu centenas de famílias à praça do bairro para curtir dois dias de muita gastronomia, atrações musicais e diversão. A programação ofereceu diversos pratos à base de peixe a preço único de R$ 15, além de shows ao vivo, área de recreação infantil e bazar solidário. A programação é uma iniciativa da Prefeitura aldeense, por meio da Subsecretaria de Turismo, em parceria com a Associação de Moradores e pescadores da Baleia e conta, ainda, com o apoio da iniciativa privada.

            O subsecretário de Turismo de São Pedro da Aldeia, Luiz Carlos Rocha, falou sobre a realização de mais uma edição do evento. “O Festival do Peixe é um evento que acontece há décadas e a gente vem procurando manter e melhorar, a cada ano, essa tradição. Tudo foi preparado com muito carinho e procuramos diversificar e agradar a todos os gostos, da música à comida. Quero agradecer à família Turismo, aos pescadores e às famílias que se dedicaram, a todas as demais secretarias envolvidas, aos nossos parceiros e ao prefeito Chumbinho que sempre nos deu condição de fazer essa festa grandiosa. Anualmente, o Festival atrai milhares de turistas, moradores de bairros vizinhos e movimenta a comunidade pesqueira da Baleia. É esse turismo de base comunitária que queremos manter vivo”, disse.

Entre as opções gastronômicas oferecidas durante o Festival estiveram tainha assada com pirão, petiscos, iscas e peixes fritos, como sardinha, carapicu, carapeba; moqueca e bobó de camarão, além de uma variedade de sobremesas, saladas e acompanhamentos. Ao todo, o evento contou com 14 barracas de pratos à base de peixe, além de tendas com comercialização de bebidas, drinks e doces. O Festival movimentou, aproximadamente, duas toneladas de pescado.

Um dos parceiros da festa, o presidente da Associação de Moradores da Baleia, Willians Pinheiro, destacou o trabalho em conjunto com o Poder Público Municipal. “A parceria com a Subsecretaria de Turismo já vem de longa data. A seis anos atrás a gente fez essa fusão para que a festa fosse o sucesso que ela é. A maioria são pessoas da comunidade, comerciantes e pescadores. A gente mobilizou mais de 100 pessoas, moradoras do bairro, que se disponibilizaram a ajudar a abrilhantar o evento”, disse.

Para o Festival, a praça principal do bairro ganhou cobertura, palco e mesas para atender o público, além de decoração temática. Próximo à quadra poliesportiva, a criançada pôde se divertir com brinquedos, pula-pula e parque inflável, oferecidos pela iniciativa privada. A programação musical contou com ritmos diversificados, passando pelo samba, pagode, MPB, sertanejo e muito rock and roll. No comando das apresentações ao vivo estiveram o cantor Adriano Marques, Léo Barreto Blues Roll Band, grupo Nada Pra Fazer, banda Black & Cia e o grupo Cachassamba.

Moradora do bairro Porto da Aldeia, a advogada Nany Haddad aproveitou para curtir o sábado de festa. “Eu fico orgulhosa de ver esse movimento do Festival, que vem resgatando essa união dos pescadores, dos moradores e dos visitantes. É uma festa bonita, familiar, organizada, onde todos ficam tranquilos e seguros. É onde os pescadores têm a oportunidade de divulgar o trabalho deles”, disse.

Comerciante e pescador da Baleia há 22 anos, Gelson Reis, conhecido como “Nem”, foi um dos barraqueiros integrantes do Festival. “É a primeira vez que participo e fiquei muito feliz com o convite. Trouxe o meu pirão, que é considerado o melhor pirão da região, e a tradicional tainha frita com molho de camarão”, afirmou.

Moradores do bairro Bela Vista, a família Vieira também marcou presença na festa. “É a primeira vez que viemos e nós gostamos muito. O Festival tem um clima bem familiar, música boa, tudo em um espaço bem confortável. Com certeza é um diferencial; é isso que a gente procura para estar em família”, ressaltou a comerciante autônoma Letícia Vieira, que compareceu ao lado do marido Jorge Roberto e das filhas Raphaela, de 7 anos, e Gabriela (1).




0 comentários:

- |