LEAL PORTO TELECOM

LEAL PORTO TELECOM

RESTAURANTE DA PONTE

RESTAURANTE DA PONTE
"O lugar certo de comer peixe" - Em cima do Mercado Municipal do Peixe (22) 2644-4080 // 99999-5998

terça-feira, 9 de junho de 2020

Cabo Frio terá Companhia de Desenvolvimento


O prefeito Dr. Adriano Moreno sancionou a Lei 3.199, que autoriza a criação da Companhia de Desenvolvimento do Município de Cabo Frio (CODESCAF). A regulamentação foi aprovada pela Câmara de Vereadores e foi divulgada no jornal de publicações oficiais do governo deste sábado (6). 
A CODESCAF é vinculada à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e tem como objetivo promover o fomento de políticas públicas de industrialização e desenvolvimento econômico do município e estimular os investimentos de infraestrutura produtiva, econômica e social, contribuindo para o crescimento sustentável por meio da prospecção de oportunidades de negócios, geração e manutenção de empregos e renda.
Dentre as competências da companhia estão a promoção de operações urbanas consorciadas para implantação e desenvolvimento de empreendimentos, constituir e assessorar a criação de condomínios industriais, centros empresariais ou de desenvolvimento de qualquer atividade econômica;  estimular atividades de desenvolvimento econômico, social, comercial, industrial, logístico, turístico, ecológico, agropecuária e pesqueiro; promover treinamentos voltados para o desenvolvimento profissional e gerencial.
“Além de uma conquista de Cabo Frio, a CODESCAF se torna um ganho para toda a Região dos Lagos, uma vez que poderemos realizar projetos conjuntos, atendendo assim uma demanda e trazendo o desenvolvimento de forma regional. As ações ganharão proporção maior uma vez que não ficarão limitadas apenas ao nosso município. A conquista é nossa, mas o ganho é para toda a Região dos Lagos, destacou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Felipe Pereira.
Um dos principais desafios da gestão pública é o desenvolvimento sustentável. Para isso é necessário um alinhamento estratégico entre as dimensões sociais e econômicas. A necessidade constante da melhoria da capacidade de atendimento quantitativo e qualitativo por parte do Poder Público traduz-se em ampliação de serviços públicos, como a saúde, educação, limpeza e conservação e garantia da segurança e do bem-estar social e tudo isso só é possível quando existem divisas fortes e capacidade de investimento.
Infelizmente, em regra geral, esse não é o cenário encontrado na maior parte das administrações. Problemas relacionados à base de arrecadação, dependência acentuada de recursos advindos de repasses e heranças como endividamento e desequilíbrios na alocação de mão de obra no setor público formam uma equação de difícil resolução.
Para romper esse ciclo, considera-se necessário incorporar ao Poder Público estruturas e instâncias de governança que, respeitadas as peculiaridades e obrigações, são análogas aos mais modernos padrões de eficiência e gestão estabelecidos no âmbito privado. Assim, nasce a proposta da criação da Companhia de Desenvolvimento de Cabo Frio.
A missão é planejar adequadamente o desenvolvimento da cidade, tornando-se um interlocutor qualificado com o setor privado e atuando de modo efetivo na captação de oportunidade de novos negócios e de investimentos. Desse modo, a companhia tem como premissa maximizar a atração de divisas com o menor custo operacional, tendo em vista sua natureza de economia mista.
“É com esse entendimento e com a consciência desse grande desafio que a companhia pretende construir um novo momento econômico para Cabo Frio, e são muitas as metas possíveis como a ativação do Polo de Desenvolvimento que vai possibilitar a instalação de empresas na cidade, além de outras iniciativas para a atração de novos negócios na cadeia produtiva do turismo, da economia criativa e solidária. Isso significa, na prática, mais recursos, mais empregos e a recuperação da capacidade do Poder Público em investir ainda mais no seu principal ativo: as pessoas”, explicou o prefeito Dr. Adriano Moreno.

0 comentários:

- |