LEAL PORTO TELECOM

LEAL PORTO TELECOM

RESTAURANTE DA PONTE

RESTAURANTE DA PONTE
"O lugar certo de comer peixe" - Em cima do Mercado Municipal do Peixe (22) 2644-4080 // 99999-5998

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

PÉ NO JACÁ. Por James Santos.


MIXARIA


O coquetel realizado pela MGO Araujo Bazar Buffet e Festas, no Gabinete de sua insolência, custou a bagatela de R$ 7.002,00. Uma verdadeira mixaria, pois para poupar o rico dinheirinho do distinto público não foram servidos Caviar Beluga, Champagne Moet & Chandon, nem uísque Royal Salute.



SUBVENÇÃO


O Carnaval mais animado do interior do Estado ficou ainda mais alegre com o pagamento da subvenção oficial da prefeitura nesta última segunda feira, 20. A Liga das Escolas de Samba e Blocos de Arrastão recebeu a bagatela de R$ 1.100 mil para animar os chamados festejos do tríduo momesco.



OLHA O DINHEIRO AÍ


Para quem anda reclamando sem saber onde vai parar o dinheiro que a prefeitura arrecada, suas insolências acabam de matar a cobra e mostrar o pau. Com esta subvenção do carnaval e a folha de pagamento dos meses de novembro, dezembro e o 13º salário são 43 milhões despejados na economia da cidade.



REFRESCO


O presidente da Câmara Municipal até que tentou dissimular e esconder a patifaria que seria exposta aos assistentes na sessão da quinta-feira passada, e para recompensar a enorme ingratidão dos eleitores que não entenderam o cheiro de tinta nas dependências da “Casa do Povo” em sessão anterior, solicitou a ajuda da PM para distribuir, como refresco, o famigerado spray de pimenta.



FEFEDO VAI DANÇAR


Além de ser a “justiça que não comete injustiça”, o prefeito esculhambado na coluna da jornalista Berenice Seara, do Jornal Extra, Marcos Mendes conseguiu a façanha de colocar o irmão, Carlos Victor no Congresso Nacional. Não é nada, não é nada, mas Cabo Frio agora contabiliza dois deputados no Congresso Nacional, e coloca mais um postulante à cadeira do palácio Tiradentes em 2012. Façam suas apostas.



BELO FURO


O cantor Belo, anunciado como uma das atrações para o réveillon de Cabo Frio, deixou de comparecer a show no projeto Cultura para Todos, realizado todas as terças-feiras, no Cine Nove de Abril. O show remarcado para quinta-feira, também não foi realizado. Belo alegou as condições do tempo, pois iria de helicóptero à Volta Redonda. O cantor também deixou de cumprir compromisso firmado para se apresentar no domingo, 19, no Centro Luiz Gonzaga de Tradições Nordestinas, na Feira de São Cristóvão. Parece que o moço já se julga muito importante, ou está com complexo de Tim Maia.



MENOS, CACÁ


O povo da comunicação da prefeitura informa através de press release, (chic hein!), que o secretário boa praça, Ricardo Azevedo destacou em um programa de rádio da cidade, a importância do projeto do shopping que será construído no bairro Portinho, que promete gerar dois mil empregos para Cabo Frio.


Como todo mundo “tá” careca de saber: se os secretários costumam aproveitar a indiscutível audiência do Programa Amauri Valério para darem as boas novas, por que cargas d´água o release omite o nome da rádio?


Afinal, com os dois mil empregos do shopping, e os outros tantos do Resort do Peró e da Salina Ypiranga, fatalmente vai faltar mão de obra na cidade.



MENOS, ALAIR


Conhecido e auto aclamado como pavio curto, o deputado Alair Corrêa andou exagerando na dose, esculhambando e generalizando toda a imprensa da cidade, segundo ele, vendida e subserviente ao governo, sobrando até para o entrevistador do programa na Jovem TV. Fica devendo pedido de desculpas àqueles que ainda fazem a imprensa livre em Cabo Frio, colocados no mesmo saco por sua excelência.



GARRAFADA


A partir desta segunda-feira, dia 20, o serviço de coleta de lixo e limpeza de ruas, praças e praias de Cabo Frio, recebeu um reforço especial de 220 servidores que cumprirão um contrato temporário de verão. O mutirão de limpeza está de acordo com decreto assinado pelo Prefeito Marquinho Mendes, cujo término está previsto para o dia 13 de março de 2011. Parece que a preocupação é quanto o recolhimento no trecho entre o Foguete e o Canto do Forte, de 20 toneladas de garrafas, quando a média, em dias de semana, não ultrapassa dez toneladas. Ué, o uso de garrafa não é proibido na praia?


0 comentários:

- |