Leal Porto

Leal Porto

RESTAURANTE DA PONTE

RESTAURANTE DA PONTE
"O lugar certo de comer peixe" - Em cima do Mercado Municipal do Peixe (22) 2647-5341

terça-feira, 21 de outubro de 2014

Cartão Vermelho Jovem. Por Carlos Matheus


O Brasil do Salão de Beleza: Onde Tudo é Maquiagem

O Brasil nos últimos doze anos vem tendo grandes avanços sociais com baixa taxa de desemprego e com uma grande redução da pobreza. Correto? Errado! Na verdade, hoje, vivemos no mundo dos sonhos petista, com imensa maquiagem sobre os dados, causada pela mudança de metodologia das medições de estatísticas. Calma, antes de me chamarem de “louco”, “reaça”, “coxinha”, “fascista”, “nazista”, “tucano”, “opressor”, “racista” e etc. Explicarei o porquê do Brasil não ser a maravilha da propaganda do PT:

Para começar, o programa Bolsa Família não foi o responsável por tirar boa parte da população brasileira da linha da pobreza. Sabe quem é o responsável por tamanho “progresso” no combate a pobreza no Brasil? Não? Pois fiquem sabendo que o responsável é a Secretária de Assuntos Estratégicos do Governo Federal (PT), já que graças a “especialistas” a classe média brasileira é constituída por pessoas que possuem uma renda per capita entre R$ 291,00 e R$ 1.019 mensais, dado que abrange 54% da população brasileira, a baixa classe alta (classe média alta), possui um rendimento entre R$ 1.019 e R$ 2.480, por fim, a classe alta é a que tem a renda per capita maior que R$ 2.480 reais. Atenção cidadãos que recebem por volta de três mil reais mensais, vocês sabiam que segundo o governo, Mega empresários como Silvio Santos, estão no mesmo patamar econômico que vocês? Uma pessoa que tem uma renda de duzentos e noventa reais consegue ter uma vida estável? Com o rendimento de R$ 291,00 é possível que uma pessoa faça suas compras básicas, sendo que ainda sobre dinheiro para o lazer? Sabemos as respostas. Desta maneira é muito fácil “combater” a pobreza, se o Governo Federal “Petralha” não consegue elevar a condição de vida do brasileiro, logo nossos governantes petistas reduzem o quesito necessário para considerar que um cidadão tenha uma vida estável.    

Vamos falar do desemprego, que o Governo PT vem “mantendo baixo, desde que assumiu a presidência da república”. Só que isso não é verdade. A verdade é bem inconveniente para os caciques do Partido dos Trabalhadores e seus militantes. Vocês querem saber qual é a verdade por trás das taxas de desemprego? A verdade é que, apesar, de haver uma taxa de desemprego muito maior do que o governo fala. Vamos fazer a contagem? Ora, o IBGE (órgão que mede a taxa de desemprego), considera que quem recebe o Bolsa Família está empregado, sendo que o principal requisito para receber tal programa é não ter um emprego. A parcela da população que recebe o Bolsa Família é de 25%, ou seja, para começarmos, temos uma taxa de desemprego por volta desta mesma porcentagem. As estatísticas, ainda, pioram, pois quem está desempregado, mas não procura por um emprego, não quer um emprego não entram na lista dos desempregados. Não podemos esquecer que, o cidadão que recebe o seguro desemprego é considerado empregado, de acordo com nosso governo. Como podemos ver, a taxa de desemprego no Brasil ultrapassa os 25%, chegando em, aproximadamente, 33% da população brasileira, atingindo umas das maiores taxas do mundo. Uma prova de que o índice de desemprego em nosso país não é baixo, é que em todo lugar com baixos índices de pessoas desempregadas, o número de mortes violentas por cem mil habitantes, também, é baixo, fato que não acontece no Brasil.


Como podemos ver, mais uma vez, o Brasil não vai bem, os únicos indicadores sociais em que vamos bem, são os que estão maquiados pelo Governo Federal (PT). Com medo de apresentar à população o fracasso do governo PT, eles maquiam dados, para que o projeto de poder petista não seja atrapalhado. O Plano Real projeto que tornou possível as poucas melhoras que tivemos no governo PT, o Partido dos Trabalhadores foi contra em 1994, quando foi aprovado. Sendo incapaz de fazer algo que melhorasse nosso país, a única saída foi maquiar dados, a fim de ludibriar a população. Pensem nisso. 

0 comentários:

- |