Pular para o conteúdo principal

Araruama, RJ, decreta reabertura de comércio não essencial em esquema de rodízio


A Prefeitura de Araruama, na Região dos Lagos do Rio, publicou decreto nesta quarta-feira (22) que permite a reabertura do comércio não essencial em esquema de rodízio. Segundo documento, a medida foi criada para evitar a falência dos estabelecimentos da cidade que precisaram fechar devido à pandemia do coronavírus. O decreto começou a valer já nesta quarta e vigora até o dia 30 de abril.

De acordo com o documento, o funcionamento dos estabelecimentos fica condicionado através de rodízio, da seguinte forma: Nas segundas, quartas e sextas-feiras estão autorizadas a funcionar papelarias; lojas de utilidades; óticas; relojoarias; armarinhos; lojas de cama, mesa e banho; lojas de tecidos; lojas de utensílios; lojas de vendas de veículos e concessionárias; lojas de cosméticos; e lojas de higiene pessoal e congêneres.
Já nas terças, quintas-feiras e sábados, ficam autorizados a funcionar os salões de beleza, barbearias e estabelecimentos de estéticas em geral; lojas de eletrônicos e acessórios; lojas de departamentos; lojas de eletrodomésticos; lojas de móveis; lojas de roupas; e lojas de calçados e congêneres.

Ainda segundo decreto, esses estabelecimentos devem restringir o atendimento a 2 clientes por vez; devem disponibilizar, na entrada, álcool 70 em gel aos consumidores; além de também fornecer o produto e máscaras de proteção aos funcionários, que devem usá-las durante todo o expediente; os comerciantes ainda devem restringir a entrada apenas à consumidores que estejam fazendo uso de máscaras de proteção. Caso haja fila, o estabelecimento fica responsável em verificar e orientar o distanciamento mínimo de 1 metro entre as pessoas na fila.

De acordo com documento, bares seguem sem permissão para funcionar.

O decreto publicado nesta quarta-feira também abrange os profissionais de educação física do município. De acordo com o documento, os profissionais da área podem exercer suas atividades, desde que seja ao ar livre, na orla do centro da cidade, com no máximo 2 clientes cada profissional e respeitando o espaço de 15 metros de distância entre cada profissional. Para atuar, os educadores físicos também devem estar regularizados junto a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Cultura, Turismo, Esporte e Lazer e ficam responsáveis por fornecer álcool em gel para uso dos clientes, que ainda deverão utilizar máscaras de proteção.

A entrega de obras públicas também está autorizada pela Prefeitura, mas a ação deve acontecer sem aglomerações, podendo ser transmitida por meio de “live” através de rede sociais.

O decreto não altera as regras de funcionamento para os comércios que já estavam autorizados a funcionar e alerta que as pessoas que integram o grupo de risco permaneçam em isolamento domiciliar e social e só saiam de suas residências por necessidade e usando máscaras de proteção, item que se tornou obrigatório nas ruas de Araruama desde segunda-feira (20).

Nesta quarta-feira, a Prefeitura de Araruama divulgou novo boletim sobre casos da Covid-19 no município. De acordo com levantamento, Araruama tem 26 casos confirmados da doença, com um óbito.


Fonte: g1.globo.com

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

NOTA OFICIAL

A Prefeitura de São Pedro da Aldeia informa que, na manhã desta terça-feira (24/11), a Secretaria Municipal de Saúde recebeu agentes da Polícia Federal (PF) e Controladoria-Geral da União (CGU) para inspecionar documentos e solicitar informações sobre uma empresa específica, que era alvo de investigação. Com tranquilidade, todos os documentos solicitados, que já tinham sido encontrados pelos agentes no Portal da Transparência do município, foram novamente apresentados. A empresa inspecionada participou do Pregão Presencial n° 004/2020, de 28/02/2020, que contou com a participação de 19 empresas, das quais, 13 venceram. Uma das vencedoras é alvo dessa investigação, com ata de registro de preço firmada no valor de R$ 115.237,00 para entrega de medicamentos. A Prefeitura esclarece que, ao contrário do que tem sido veiculado, a operação tem como alvo a empresa licitante, como desdobramento de outra investigação dos órgãos na região Norte Fluminense, e que não há indícios de fraude na licit

Lei Aldir Blanc

Nesta segunda-feira (30), no Espaço Cultural Zanine, começou a entrega dos documentos exigidos e de assinaturas para os artistas habilitados para Lei Aldir Blanc, conforme publicado no Boletim Oficial nº 1.140, dos dias 26 de novembro a 27 de novembro de 2020. Esta etapa acontecerá de segunda a quarta-feira das 9h às 16h. Os artistas que tiverem suas inscrições não habilitadas poderão apresentar o recurso na mesma data e local. Após a quarta-feira (02/12), o Grupo Gestor da Lei Aldir Blanc fará a análise dos documentos e sairá a homologação para o recebimento do recurso destinado ao Inciso 2 da Lei nº 14.017, mais conhecida como Lei Aldir Blanc. Esta lei prevê auxílio financeiro ao setor cultural. A iniciativa busca apoiar profissionais da área que sofreram com os impactos das medidas de distanciamento social por causa da COVID-19. A legislação ficou conhecida como Lei Aldir Blanc, em homenagem ao escritor e compósitos que morreu em maio, vitima do novo coronavírus.

COLUNA BANZO

  O LOBO EM PELE DE CHACAL!   “TSE defere candidatura e José Bonifácio tomará posse como Prefeito de Cabo Frio” “Em decisão monocrática o Ministro Alexandre de Moraes deferiu o recurso de José Bonifácio” Na sexta-feira (18/12) por volta das 18:00 horas as manchetes acima surpreenderam alguns incautos cabofrienses, e deixaram duas sérias indagações no ar: - O que motivou o Ministro Alexandre de Moraes, relator do processo, a evitar o julgamento pelo colegiado do Tribunal Superior Eleitoral? - A séria motivação impeditiva deixou de existir apenas duas horas depois de iniciado o “recesso” do tribunal?   Bem... o editorial do Blog Cartão Vermelho não possui todas as respostas, porém, cumprindo sua principal missão de trazer luz aos fatos, assinala agora a ação vil, perdulária e principalmente venal que acometeu a defesa do Sr. José Bonifácio.   Os advogados que patrocinaram a causa de Zezinho, fazem parte de uma bancada respeitadíssima nacionalmente, é uma das mais cara