Leal Porto

Leal Porto

RESTAURANTE DA PONTE

RESTAURANTE DA PONTE
"O lugar certo de comer peixe" - Em cima do Mercado Municipal do Peixe (22) 2647-5341

quinta-feira, 24 de setembro de 2015

OS PELEGOS, A CPMF E MAIS UM EMPRÉSTIMO.


Por Manoel Atanásio

Quem acompanhou a troca de "farpas" entre o suplente de deputado em exercício Marquinho Mendes e seu aliado Jânio Mendes nesta semana, mal sabe o motivo da verdadeira encenação, as fajutas farpas vão além da disputa pela prefeitura de nossa cidade, o que acontece porém é que na semana passada o governador Pezão esteve jantando com a presidenta Dilma, na pauta o pedido que pressionem suas bases estaduais no Congresso Nacional a elevar de 0,20% para 0,38% a alíquota de CPMF proposta no pacote fiscal. Pezão que não é bobo e sabe que detém o controle sobre alguns federais, entre estes o suplente em exercício de nossa região, tratou de negociar com o ministro da fazenda Joaquim Levy um empréstimo caso tudo corra bem e a CPMF seja aprovada.

Onde entra Marquinho Mendes nesta história? Simples, para ser aprovada a CPMF, serão necessários 308 votos na câmara federal e 49 no senado, e é ai que o sorridente moço entra na história, ou vocês acham que Pezão pedindo ele dirá não? Mesmo sabendo que sangrará o povo para tapar os rombos do governo federal?
E Jânio Mendes onde entra nesta história? Também é simples, caso a CPMF seja aprovada e o ministro Joaquim Levy cumpra com o prometido (EMPRÉSTIMOS) para o governador Pezão, a ALERJ precisará aprová-los.


ENTÃO SENHORES DEPUTADOS, VAMOS PARAR COM A ENCENAÇÃO QUE ESSA MANHA DO GATO DE DESVIAR O FOCO JÁ DEU O QUE TINHA QUE DAR! Aguardaremos para ver como os senhores se comportarão.

0 comentários:

- |