Leal Porto

Leal Porto

RESTAURANTE DA PONTE

RESTAURANTE DA PONTE
"O lugar certo de comer peixe" - Em cima do Mercado Municipal do Peixe (22) 2647-5341

terça-feira, 25 de março de 2014

A escalada da violência na Região dos Lagos



 

Mais uma vez o Blog Cartão Vermelho volta a falar do cenário desenfreado da violência na cidade, ontem tivemos um fuzilamento as 14h de um motorista de caminhão no bairro Jacaré, já no fim de semana tivemos 4 homicídios, um no sábado na Rua das Torres, outro em Maria Joaquina, um próximo ao condomínio dos Pássaros e o último na Estrada Campos Novos no Jardim Esperança.

Na semana passada tivemos o sequestro da adolescente em Arraial do Cabo, e diariamente somos bombardeados com informações de homicídios, guerra de tráfico, e quem mora em Cabo Frio acaba passando desapercebido, mas a violência não é só aqui, Araruama e São Pedro da Aldeia vivem o mesmo drama, homicídios, assaltos, tráfico, estupro, em São Pedro tivemos vários crimes sexuais esse ano.

No entanto temos a frágil marca de 820 policiais para cobrir uma população de 577 mil habitantes, o que dá uma média de 1 policial para cada 703 habitantes, mas como esses policiais não são máquinas e trabalham por escala, normalmente 24h de trabalho por 48h de folga, na verdade temos por dia 1/3 desse efetivo, ou pouco mais de 270 policiais por dia para fazer a segurança de 577 mil habitantes, por plantão isso dá mais ou menos 1 policial para cada 2.000 habitantes, vale ressaltar que a média indicada pela ONU é de 1 policial para cada 250 habitantes, temos quase 10 vezes menos policiais por habitante, durante um plantão, do que a ONU determina como sendo o ideal.

Nosso 25º Batalhão cobre Saquarema, Araruama e seus distritos, incluindo Praia Seca e São Vicente que são quase cidade, Iguaba, São Pedro, Arraial do Cabo, Búzios e Cabo Frio com o Distrito de Tamoios.

Quando o Secretário de Segurança do Estado, José Mariano Beltrame, esteve na Região dos Lagos disse que a escalada da violência na cidade era por falta de comando, pois bem, ele trocou o comandante e mandou o espetacular tenente-coronel Rui Sérgio França de Oliveira, que está atuando muito bem, e faz até mais do que o possível, mas a realidade está aí, apesar de todo esforço e competência do tenente-coronel Rui França estamos perdidos em meio a tanta violência.

A única saída para resolver parcialmente esse problema é a instalação de um novo Batalhão da Polícia Militar em Araruama, dobrando o efetivo que temos de policiais na Região dos Lagos. Se os políticos ligados ao Governo do Estado, e os prefeitos eleitos da Região dos Lagos não se mobilizarem viveremos o caos, e em breve uma das vítimas seremos nós.

0 comentários:

- |