Leal Porto

Leal Porto

RESTAURANTE DA PONTE

RESTAURANTE DA PONTE
"O lugar certo de comer peixe" - Em cima do Mercado Municipal do Peixe (22) 2647-5341

quinta-feira, 25 de julho de 2013

Marcos Mendes e Hugo Cecílio podem pegar 5 anos de prisão




O ex-prefeito de Cabo Frio, Marcos Mendes (sem partido) e o empresário e ex-secretário municipal de Administração, Hugo Cecílio de Carvalho, foram indiciados por ESTELIONATO E OUTRAS FRAUDES CONTRA A PREVIDÊNCIA na Justiça Federal e se condenados podem pegar até 5 anos de prisão.

Clique na imagem para ampliar

Quem apresentou denuncia contra Marcos Mendes e Hugo Cecílio foi o Ministério Público Federal através do Procurador Rogério Soares do Nascimento e quem indiciou os réus foi o Juiz Federal José Carlos da Frota Matos, no processo 0002120-69.2013.4.02.5108 Número antigo: 2013.51.08.002120-0 que tramita na 01ª Vara Federal de São Pedro da Aldeia e foi distribuído em 13/05/2013. O Juiz Federal mandou ainda que “oficiem-se ao IFP para anotações dos dados relativos ao processo na folha de antecedentes criminais dos acusados”, ou seja, toda vez que Marcos Mendes e Hugo Cecílio tiverem suas fichas criminais levantadas constará nelas o processo por Estelionato e Fraude contra o servidor municipal de Cabo Frio.  

Como o ex-prefeito Marcos Mendes é hoje possível candidato em 2014 isso pode ser um grande complicador para que consiga registro eleitoral.

Entenda o caso:

Marcos Mendes e Hugo Cecílio de Carvalho respondem por Estelionato e Fraude contra a previdência dos Funcionários da Prefeitura de Cabo Frio, segundo o Ministério Público Federal ambos teriam desviados da aposentadoria dos bolsos dos servidores municipais quase 900 mil reais, para ser mais exato R$ 899.784,90.

Em uma parte da denúncia o MPF diz o seguinte:

Tudo indica que atrasar ou não efetuar repasses dos segurados do INSS é “técnica de gestão” no município de Cabo Frio/RJ, e técnicas de gestão, segunda as regras da experiência, são parametrizadas pelo Chefe do Executivo, de modo que, no mínimo, assumiu o risco da prática da conduta.” – Ministério Público Federal.
 
E agora defensores do servidor?

Espero que agora algumas classes e pessoas que se apresentam como “defensores” dos servidores municipais de Cabo Frio como SEPE, Sr. Olney, blogueiro Rafael Peçanha e que autoridades como o suplente de Deputado Estadual em Exercício, Janío Mendes, (PDT) se pronunciem sobre o caso e de repercussão a esse crime cometido contra os servidores municipais.

Isso seria o mínimo da parte de vocês!

0 comentários:

- |