Leal Porto

Leal Porto

RESTAURANTE DA PONTE

RESTAURANTE DA PONTE
"O lugar certo de comer peixe" - Em cima do Mercado Municipal do Peixe (22) 2647-5341

quarta-feira, 6 de setembro de 2017

Seja uma agulha nos negócios de Cabo Frio. Por Manoel Atanasio


Tem uma parte no hino de cabo frio que diz: "forasteiro, não há forasteiro, pois nesta terra todos são iguais..." 

Entendo bem o que o nosso poeta Vitorino Carriço queria expressar, porém não é bem assim que a banda toca quando se trata do ramo de negócios. Seja qual for o seu negócio você precisará de muito jogo de cintura para furar uma bolha bem definida entre alguns empresários. 

Não entendeu? Eu explico! Funciona mais ou menos assim como este exemplo, Eu como no seu restaurante e você matricula seus filhos na minha escola, nós dois compramos numa determinada casa de material de construção que o dono tem os filhos em meu colégio e come no seu restaurante e assim segue o ritmo, uma irmandade escancarada. Daí, quando algum empresário novo tenta montar o seu negócio na cidade fica incapacitado de sobreviver, pois neste círculo a lealdade tem peso de ouro, mesmo que seus serviços não sejam lá grandes coisas.

Há mais de 20 anos morando aqui, vi muitos negócios fracassarem antes mesmo dos seis meses de vida, analisando os serviços que eram prestados por algumas destas empresas, que por sinal era de excelente qualidade, eu ficava me perguntando no que erraram os seus donos. Sei que muitos irão dizer que isto é mais uma de minhas viagens e que não tem sentido as minhas palavras e eu respeito essa opinião, pois não passa de mais uma estratégia deste grupo seleto ou de seus frequentadores amigos.

O que me impressiona é que há espaço para todos e que mesmo assim não há possibilidade alguma de sobreviver se não fizer parte deste grupo. Aí você vai me perguntar quem são deste grupo e eu irei responder, analise você mesmo e tire suas conclusões, pois não é possível que tantos serviços ruins sobrevivam a tanto tempo e que tantos serviços bons similares acabem antes mesmo de começar. Sim, existe uma maneira de sobreviver a isto e a receita é CRIATIVIDADE, se há algo que agita esse círculo é a criatividade, perceba que basta uma novidade para que todos sigam o mesmo caminho, isto acontece porque este grupo seleta deixa uma falha que no mundo dos negócios é inaceitável, entre eles há serviços com má qualidade e que de uma maneira ou de outra eles uma hora terão que usar pois a irmandade fala mais alto. Então novos empreendedores, seja criativo, faça seu bem de consumo algo tão maravilhoso que se torne essencial na vida das pessoas, cative seu público alvo e mão na massa, pois apesar de ver muitas empresas acabarem antes do começo, vejo também muitas empresas que com criatividade romperam este círculo e estão aí firme e forte no dia a dia de nossa cidade. 

Então, preparado para ser uma agulha? 

Manoel Atanasio da Silva Filho
atnurbano@gmail.com

0 comentários:

- |