Leal Porto

Leal Porto

RESTAURANTE DA PONTE

RESTAURANTE DA PONTE
"O lugar certo de comer peixe" - Em cima do Mercado Municipal do Peixe (22) 2647-5341

sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Cartão Vermelho Jovem - Por Carlos Matheus


DilmAnta - Parte - II

Outra mentira contada pela Dilma é que ela busca, cada vez mais, democratizar o Brasil. Isso não passa de uma balela, a não ser que democratizar signifique perseguir jornalistas, criar conselhos por pessoas indicadas pelo governo, aparelhar a Polícia Federal, comprar Parlamentares e usar a lei de classificação indicativa em prol do partido. Como diz o Jack Estripador, vamos por partes.

O PT não é um partido que aceita criticas, basta ver a reação deles quando alguém faz uma branda crítica ao plano econômico do governo Dilma, logo parte para o ataque pessoal, como: “cheirador (no caso do Aécio Neves)” e “maluca ou algo do tipo (no caso da Marina)”. Basta saber disso, para já termos a certeza de que a Dilma mente em seus discursos, mas, vamos mostrar outros casos. Como o dos funcionários do Banco Santander, que colocaram a situação econômica do Brasil, no governo Dilma, como lastimável, nos informes do banco aos seus clientes, coisa que desagradou o alto escalão do PT (Lula, Dilma, etc.), fazendo com que o governo pressionasse o Santander a demitir os funcionários, que covardemente o fez. Temos também o caso Sheherazade, onde a jornalista que fazias duras críticas ao PT foi censurada graças à pressão do PT ao SBT, ameaçando retirar as verbas publicitárias que a emissora recebe do governo. O pretexto para isso é que a Rachel Sheherazade teria feito apologia ao crime, num comentário dela sobre um menor criminoso reincidente, que foi agredido, despido e amarrado a um poste, por pessoas cansadas da impunidade. Na ocasião, a jornalista disse que “isso é COMPREENSIVEL”, não disse que isso é ACEITAVEL, mas a deputada Jandira Feghali do PCdoB (filial do PT) aproveitou isso para processar a jornalista e com apoio do governo Petralha conseguiu censurar a Rachel. Ainda temos ataques, de computadores ligados ao Palácio do Planalto, às páginas de alguns jornalistas no Wikipedia.

O PT consegue usar, indevidamente, até a classificação indicativa dos programas de televisão, como é descrito no livro, Assassinato de Reputações – Um Crime de Estado, cujo autor é o Ex-secretário de Justiça do Governo Lula, Romeu Tuma Jr. O Uso se faz da seguinte maneira: Existem os horários que certos programas de TV podem ser exibidos. Os Governos Lula/Dilma, aproveitaram isso para amordaçar o jornalismo. As Emissoras de TV que fizerem um jornalismo que agrade o PT, ou seja, que não o critique, poderá exibir seus principais programas nos melhores horários de audiência, mesmo que estes programas contenham pornografia explícita, entre outras coisas maléficas. Mas, se uma emissora fizer um jornalismo sério, voltado para mostrar a realidade política e social do nosso país, isso incomoda o governo, e, neste caso, elas, as emissoras, passam por muitas dificuldades para exibir seus principais programas. Essa é a democratização da Dilma?

Para comprovar, de vez que, o PT não tem moral para falar em democratização, podemos citar o mensalão. Aí o petista vai dizer: “blábláblá, mas todo governo faz mensalão blábláblá”. Sem querer entrar no mérito de que todo governo faz. Mas, já que todos fizeram, isso dá ao PT o direito de fazer? Outra coisa, o PT pode não ter começado a corrupção no Brasil mas, com certeza, ele a institucionalizou. Como é descrito no livro já citado anteriormente, esquemas de compra de parlamentares, já ocorria anteriormente, mas o que o Lula fez foi colocar um dia de “pagamento” e um preço “fixo” para facilitar a negociação, ou seja, institucionalizou a corrupção. Mas enfim, compra de parlamentares é um atentado à democracia e, como o PT tem defendido seus corruPTos que atentaram contra a democracia, coisa que nenhum partido tem feito, não tem moral para falar sobre democratização e corrupção.


Essas só foram algumas das mentiras contadas pela Dilma, no debate da Rede Bandeirantes. Aliás, toda a propaganda do PT é mentirosa, como diz o Aécio Neves: “O sonho de todo brasileiro é viver no Brasil da propaganda do PT”. E como diz o Deputado Jair Bolsonaro “O combustível do PT é a mentira”. Com todas essas mentiras, com todas as incompetências do governo que já está a onze anos no poder, porém, ainda fica falando que as melhoras não acontecem da noite para o dia, ou então colocam a culpa no Governo FHC para tudo. O povo tem que ser consciente e notar que o PT já teve sua oportunidade e fracassou feio. Como diz o jornalista e candidato a deputado federal pelo Paraná, Paulo Eduardo Martins: “O PT merece ir para a lata de lixo da história”. 

0 comentários:

- |