Leal Porto

Leal Porto

RESTAURANTE DA PONTE

RESTAURANTE DA PONTE
"O lugar certo de comer peixe" - Em cima do Mercado Municipal do Peixe (22) 2647-5341

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Coluna da Menina de Ouro, Vânia Carvalho


Quem que entende o povo brasileiro?

Primeiro ele acorda o gigante, limpa as remelas e sai cheio de disposição, depois toma um rivotril volta a durmir e sem a menor  preocupação, com aquilo que o fez levantar e tirar o pijama, ele se acomoda! E pelo visto, voltará a colocar no poder todos aqueles que atrapalharam seu sono. Foi como se o medo fala-se mais alto e o fato de ir a luta e levar umas porradas de seus "inimigos" (o próprio governo) lhes fizesse recuar e deixar tudo pra lá! Acontece que se  fosse apenas uma questão de evitar a desordem ou até mesmo um confronto físico, porque eleger novamente essa cambada? Alguém consegue me explicar? Todos que passaram os 4 anos levando o Brasil e o Rio a beira do caos, estão de volta e  com o aval da população.

E aqui  na nossa região não é diferente?

Todos que levaram Cabo Frio ao descaso durante anos, todos que na Alerj  votaram contra os servidores, todos que estão cheios de condenações por improbidade administrativa, todos que não fizeram nada de bom enquanto estavam em seus mandatos, estão todos de volta tendo a população como padrinhos. Não é lindo?

E não adianta perdermos tempo com informações, denúncias e opiniões, porque como já dizia Renato Russo: " Vamos celebrar a estupidez humana".

Somos realmente um bando de idiotas, que apesar de ter a força do voto nas mãos, se rendem aos corruptos e demagogos em troca de algumas migalhas. E vem aí possivelmente, segundo as pesquisas, mais 4 anos de reclamações, lamúrias e chororôs de um povo cansado, porém ignorante e feliz!

E como adoro Renato Russo, que a todo instante mostra que as letras de suas músicas estão mais atuais do que nunca vou terminar essa coluna com mais um trechinho de sua música "Perfeição".

...Vamos celebrar o horror
De tudo isto
Com festa, velório e caixão
Tá tudo morto e enterrado agora
Já que também podemos celebrar
A estupidez de quem cantou

Essa canção ou quem sabe escreveu essa coluna?

0 comentários:

- |