Pular para o conteúdo principal

Câmara pressiona Prefeitura por volta de ambulantes às praias em Cabo Frio


Os ambulantes e demais trabalhadores das praias de Cabo Frio ganharam o apoio da Câmara Municipal na tentativa de conseguir a liberação para a volta das atividades nas areias, que seguem proibidas no município. Se até então, havia a manifestação isolada de alguns vereadores, na sessão desta terça-feira (4), a primeira após o recesso parlamentar, o presidente da Casa, Luis Geraldo (Republicanos) prometeu cobrar do governo uma posição sobre o assunto.

Equilibrando-se entre o discurso de preocupação com o avanço da Covid-19 no município e a reivindicação dos ambulantes, Luis Geraldo defendeu igualdade no tratamento, visto que praticamente todos os demais segmentos já foram autorizados a retornar ao trabalho. O chefe do Legislativo disse que, na última sexta-feira (31), conversou com representantes dos autônomos, que relataram as dificuldades que estão vivendo. Entretanto, não conseguiu respostas do Gabinete de Crise.

– Sou um dos mais críticos em relação a isso (flexibilização). Sempre critiquei essa abertura muito fácil, essa flexibilização. Acho quer todos temos que trabalhar, todos temos que produzir, mas ainda vejo muita gente não respeitando esses protocolos, o que diminui um pouco para nós possamos vencer essa pandemia na nossa cidade, mas o que eu passei agora para eles, e passo agora, é que é uma injustiça muito grande com eles. Porque se abriu e se flexibilizou para todo mundo – disse Luis Geraldo.

Outros vereadores, como Silvio Blau Blau (PTB), Edilan do Celular (MDB) e Vaguinho (Republicanos) fizeram coro com o presidente. Estreando na função de líder da oposição, a vereadora Letícia Jotta (Pros) argumentou que os trabalhadores atuam ao ar livre, diferentemente de outros segmentos. Sobrou uma farpa até para o colega Miguel Alencar (DEM), que não estava presente.

– Nesse momento, gostaria de entender que critérios são esse em que abriu comércio, shopping, hotel, academia, igreja, casa de festa e deixou de fora os nossos ambulantes da praia. Confesso a minha decepção do líder do governo (Miguel) não estar presente porque eu gostaria de direcionar essa pergunta para ele – disparou.

Na última sexta-feira (31), a Prefeitura editou novo decreto de flexibilização, que diminuiu as restrições de outras atividades econômicas, mas manteve a proibição do comércio nas praias. 

Caso Hemolagos

Outro ponto mencionado durante a sessão de reabertura foi a dívida da Prefeitura com o Hemolagos, que faz o banco de sangue funcionar de forma parcial, como forma de racionar o uso de bolsas de coleta. 
Durante o seu discurso, o vereador Rafael Peçanha (Cidadania) afirmou que vai apresentar uma indicação para que a Prefeitura remaneje verbas orçamentárias para publicação de atos oficiais em favor do Hemolagos.



Fonte: folhadoslagos.com

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tribunal do Tráfico decapita Homem na noite deste sábado na Favela do Lixo em Cabo Frio

Um crime bárbaro acaba de acontecer na noite deste sábado (23/05) em uma das maiores comunidades do interior do Estado do Rio de Janeiro, bairro Manoel Corrêa mas conhecido como Favela do Lixo em Cabo Frio. Segundo informações de populares que preferiram manter o anonimato, um homem chamado Matheus teria sido torturado pelo Tribunal do Tráfico e em seguida foi decapitado, o motivo do crime seria por Matheus ser informante da polícia, na linguagem do crime ele seria um X9. A Polícia Militar está nesse momento fazendo levantamento do crime e pegando a identificação completa da vítima, até o momento não foi lavrada a ocorrência, e traremos mais informações conforme o andamento das investigações. As imagens são fortíssimas e não recomendada para pessoas sensíveis.

NOTA OFICIAL

A Prefeitura de São Pedro da Aldeia informa que, na manhã desta terça-feira (24/11), a Secretaria Municipal de Saúde recebeu agentes da Polícia Federal (PF) e Controladoria-Geral da União (CGU) para inspecionar documentos e solicitar informações sobre uma empresa específica, que era alvo de investigação. Com tranquilidade, todos os documentos solicitados, que já tinham sido encontrados pelos agentes no Portal da Transparência do município, foram novamente apresentados. A empresa inspecionada participou do Pregão Presencial n° 004/2020, de 28/02/2020, que contou com a participação de 19 empresas, das quais, 13 venceram. Uma das vencedoras é alvo dessa investigação, com ata de registro de preço firmada no valor de R$ 115.237,00 para entrega de medicamentos. A Prefeitura esclarece que, ao contrário do que tem sido veiculado, a operação tem como alvo a empresa licitante, como desdobramento de outra investigação dos órgãos na região Norte Fluminense, e que não há indícios de fraude na licit

COLUNA BANZO

  O LOBO EM PELE DE CHACAL!   “TSE defere candidatura e José Bonifácio tomará posse como Prefeito de Cabo Frio” “Em decisão monocrática o Ministro Alexandre de Moraes deferiu o recurso de José Bonifácio” Na sexta-feira (18/12) por volta das 18:00 horas as manchetes acima surpreenderam alguns incautos cabofrienses, e deixaram duas sérias indagações no ar: - O que motivou o Ministro Alexandre de Moraes, relator do processo, a evitar o julgamento pelo colegiado do Tribunal Superior Eleitoral? - A séria motivação impeditiva deixou de existir apenas duas horas depois de iniciado o “recesso” do tribunal?   Bem... o editorial do Blog Cartão Vermelho não possui todas as respostas, porém, cumprindo sua principal missão de trazer luz aos fatos, assinala agora a ação vil, perdulária e principalmente venal que acometeu a defesa do Sr. José Bonifácio.   Os advogados que patrocinaram a causa de Zezinho, fazem parte de uma bancada respeitadíssima nacionalmente, é uma das mais cara