LEAL PORTO TELECOM

LEAL PORTO TELECOM

RESTAURANTE DA PONTE

RESTAURANTE DA PONTE
"O lugar certo de comer peixe" - Em cima do Mercado Municipal do Peixe (22) 2644-4080 // 99999-5998

quarta-feira, 27 de maio de 2020

Reunião no MP pode definir reabertura gradual do comércio em Cabo Frio a partir do dia 5


Uma reunião no Ministério Público marcada para esta quinta-feira (28), com a presença de empresários e do prefeito de Cabo Frio, Adriano Moreno (DEM), pode definir o início de uma reabertura gradual do comércio a partir da sexta-feira da próxima semana, dia 5 de junho. Na reunião com a Promotoria de Justiça, deverão ser mostrados estudos técnicos para apontar uma possível viabilidade na flexibilização da atividade comercial.

Em reunião de quatro horas e meia, realizada na noite desta segunda-feira (25), os empresários conseguiram do prefeito a liberação das atividades comerciais por ‘take away’ (busca do produto no local) e ‘drive thru’ (compra sem sair do carro). A mudança no decreto, juntamente com a recomendação do MP para    que não haja eventos com aglomerações, levaram os empresários a cancelar o protesto que estava marcado para a manhã desta terça-feira (26).

Os comerciantes aguardam o aval do MP para o reinício das atividades na semana que vem. Caso isso não aconteça, eles prometem continuar pressionando e já acenam com a marcação de outra manifestação, desta vez com a permissão do Supremo Tribunal Federal (STF), a quem prometem recorrer.   

– Resolvermos não fazer a manifestação amanhã; primeiro irmos ao Ministério Público, com a comissão e com o prefeito para tentar a abertura no dia 5 e, caso isso não seja aprovado, voltar com a manifestação embasada em decisões do STF, a quem já fizemos a nossa solicitação para fazermos a manifestação na próxima semana – disse, em vídeo divulgado nas redes sociais, o empresário Wagner Lucas Oliveros, uma das lideranças do movimento de comerciantes.

Para tentar convencer as autoridades a retomar as atividades, a presidente da Associação Comercial e Industrial de Cabo Frio (Acia), Patrícia Cardinot afirmou que uma das medidas a serem tomadas é a compra de testes rápidos para funcionários dos estabelecimentos.

“Os empresários presentes na reunião (...) se comprometem a fazerem a compra de testes de Covid, para seus funcionários e seguirem as normas estabelecidas e assim a Acia também já havia se comprometido  e reforçou na reunião”, disse a empresária.

Até o fechamento desta reportagem, o município registrava 227 casos confirmados do novo coronavírus, com 20 mortes. Os casos suspeitos totalizam 426 ocorrências, e 151 pacientes se recuperaram ou tiveram alta.

Fonte: folhadoslagos.com

0 comentários:

- |