LEAL PORTO TELECOM

LEAL PORTO TELECOM

RESTAURANTE DA PONTE

RESTAURANTE DA PONTE
"O lugar certo de comer peixe" - Em cima do Mercado Municipal do Peixe (22) 2644-4080 // 99999-5998

sexta-feira, 6 de novembro de 2020

Segunda fase do Mapeamento Cultural para Lei Aldir Blanc é aberto nesta quinta-feira (5)


A segunda fase do Mapeamento Cultural para a Lei Aldir Blanc (LAB) de auxílio emergencial para a classe cultural está aberto. O prazo para os interessados se inscreverem é até o dia 12 de novembro de 2020 às 23h59. O link para acesso é: https://forms.gle/Mt8wTtFxcF2ZhAxLA .

Os responsáveis pelos Espaços e Coletivos culturais que desejam tentar receber o auxílio da LAB devem ter em mãos no preenchimento do cadastro o CNPJ do Espaço/Coletivo ou CPF do representante legal; Portfólio que comprove atividade de, pelo menos, um ano podendo conter fotos, reportagens ou artes gráficas datadas; os Espaços/Coletivos sem CNPJ precisam apresentar cartas de autodeclaração (modelo pode ser solicitado por meio do Canal Aldir Blanc (22) 99846-7519 (whatsapp) ou e-mail secultcabofrio4@gmail.com). Além disso, quem trabalha com pesquisa ou possui em suas composições negros, índios, LGBTQI+ ou exclusivamente mulheres, também precisam da autodeclaração para comprovação.

O resultado final desta segunda fase acontece no dia 23 de novembro de 2020.

Espaços e Coletivos têm pontuações divulgadas

Nesta quinta-feira, as pontuações dos Espaços e Coletivos inscritos para receber o auxílio emergencial foram divulgadas. Quem fez de 3 e 7 pontos receberá duas parcelas de R$ 3.000,00 e quem fez 8 e 11 pontos terá direito à duas parcelas de R$ 4.000,00. Quem fez menos de 3 pontos, entrou na faixa das parcelas de R$ 3 mil.

A próxima etapa agora é de homologação desses cadastros pela Secretaria de Cultura (Secult) e em seguida aprovação do Ministério do Turismo. Após isso, os responsáveis pelos Espaços e Coletivos deverão assinar um Termo de Compromisso, que será previamente agendado pela Secult e, em seguida, definido também a data do pagamento.

“Estendemos o prazo para o cadastramento e habilitação ao benefício emergencial e vamos reforçar a campanha. Isso em nada irá impedir o pagamento de que já teve seu pedido deferido na primeira fase. Os pagamentos estão sendo processados e a expectativa é que sejam pagos na primeira quinzena desse mês”, explicou o secretário de Cultura, Manoel Vieira.

Confira a lista em ordem alfabética dos Espaços e Coletivos aprovados:

Academia de Letras de Cabo Frio – 4 pontos;
Aldeia Viva – 5 pontos;
Associação de Expositores – 6 pontos;
Associação dos Remanescentes do Quilombo Maria Romana – 10 pontos;
Atitude Dance – 4 pontos;
B & C Produções Artísticas – 4 pontos;
Ballet Marcia Sampaio – 5 pontos;
Ballet Roberta Rodrigues – 6 pontos;
Banda DR. Law – 3 pontos;
Bloco Carnavalesco Boi da Barra – 6 pontos;
Bloco Carnavalesco Que Merda Essa – 7 pontos;
Casa da Parreira Festas e Eventos – 5 pontos;
Casa das Artes Usin4 – 5 pontos;
Célio Maia – 3 pontos;
Centro Musical Josué Marins – 5 pontos;
Cia de Dança Rosa Demarchi – 7 pontos;
Cia Vapor – 5 pontos;
Clube da Terceira Idade - Coral Despertar – 4 pontos;
Cocada do Adão – 5 pontos;
Coletivo Omo Ode – 6 pontos;
Cristiana Nunes Rocha – 8 pontos;
Dama Branca Arte Sem Limite – 4 pontos;
Dançar e Viver – 5 pontos;
Egbè Àsè Omo Oyà Aféére (Asè Vila Do Ar) -  7 pontos;
Empire Eventos -  5 pontos;
Emprelagos – 6 pontos;
Espaço Ballet Jheniellen Lima -  5 pontos;
Espaço de Arte Corpo e Alma – 7 pontos;
Estúdio de Dança do Ventre Arte no Harém – 6 pontos;
Espaço de Dança Vital -  5 pontos;
Estúdio Faby Abida -  7 pontos;
Estúdio Fama – 5 pontos;
Feira Arte na Praia – 4 pontos;
FJ Produções/Arte In Movimento – 7 pontos;
Flores Literárias – 3 pontos;
Folia de Reis Estrela do Oriente São Cristovão – 2 pontos;
Folia Estrela Dalva – 2 pontos;
Fórum Popular de Economia Solidária de Cabo Frio - Ecosol Cabo Frio – 7 pontos;
Grêmio Recreativo Bloco Carnavalesco Body Club – 6 pontos;
GRES Cabeçorra – 4 pontos;
GRIOT Pesquisa, Difusão e Memórias em Tradições Afro – 7 pontos;
Grupo Imaginário – 4 pontos;
Grupo Musical Amadeus – 5 pontos;
Ilé Asé Ojú Obá Omin – 8 pontos;
Ile Ase Omo Ode Igbo – 9 pontos;
Instituto Cultural Carlos Scliar – 8 pontos;
Instituto Sócio Cultural Afro-Brasileiro Afoxé Ilê Obá – 9 pontos;
Izabel Cristina Manhães de Araújo – 4 pontos;
Jiddu K. Saldanha – 8 pontos;
Liber'Arte Casa de Danças – 6 pontos;
Lona Meu Vizinho Trapezista – 7 pontos;
Natsu Produções Teatrais – 3 pontos;
Nosso Samba – 6 pontos;
Núcleo de Arte Fotográfica – 5 pontos;
Núcleo de Dança Allan Lobato – 6 pontos;
O Circo da Praça com Rufino e Coizinha com Z – 6 pontos;
Organização Comunidade de Terreiros de Cabo Frio e Região dos Lagos – 7 pontos;
OTB - Operários do Teatro – 3 pontos;
Projeto Cultural Afronta Lagos – 8 pontos;
Projeto Feito Pra Brincar – 4 pontos;
Projeto: Os Descobertos – 5 pontos;
Quilombo Botafogo – 10 pontos;
Quilombo do Povoado de Preto Forro – 10 pontos;
Quintal do Chapoquinha – 5 pontos;
Roda Cultural - Capoeira Brasil – 6 pontos;
Roda Cultural de Cabo Frio – 5 pontos;
Rodrigo e Lia Dupla – 3 pontos;
Santo Samba Projeto Cultural – 6 pontos;
Sebo do Lanati – 7 pontos;
Sem Barreiras – 3 pontos.

0 comentários:

- |